‘Gre­ve ser­viu pa­ra unir ca­te­go­ri­as’

O Diario do Norte do Parana - - ZOOM ZOOM -

O pre­si­den­te do Sin­di­ca­to dos Tra­ba­lha­do­res dos Es­ta­be­le­ci­men­tos­deEn­si­no­deMa­rin­gá (Sin­te­e­mar), Cel­so Nas­ci­men­to, ava­lia po­si­ti­va­men­te a mo­bi­li­za­ção dos ser­vi­do­res edo­cen­tes.Ele­clas­si­fi­ca­a­sus­pen­são da gre­ve co­mo vo­to de con­fi­an­ça­no­go­ver­no.

1 Qual a sua ava­li­a­ção do mo­vi­men­to­gre­vis­ta?

— Am­pla­men­te po­si­ti­va. Uma gre­ve na qual não pe­di­mos na­da. Foi ape­nas pe­la ma­nu­ten­ção de di­rei­tos con­quis­ta­dos há 50 anos. A gre­ve ser­viu tam­bém pa­ra unir as di­ver­sas ca­te­go­ri­as do fun­ci­o­na­lis­mo pú­bli­co.E con­se­gui­mos tam­bém que a As­sem­bleia Le­gis­la­ti­va de­fe- nes­tras­se do re­gi­men­to in­ter­no­a­co­mis­são­ge­ral.

2 A sus­pen­são da gre­ve foi um vo­to de con­fi­an­ça no go­ver­no?

— Sim. Es­ta­mos dan­do mais um vo­to de con­fi­an­ça. Es­tá tu­do na ba­se das pro­mes­sas. Ex­traí­mo­sum­sé­ri­e­de­tra­ta­ti­vas que pre­ci­sam ser cum­pri­das.

3 Co­mo a ca­te­go­ria de­ve­rá re­a­gir em ca­so de des­cum­pri­men­to?

— Se vi­er al­gum ti­po de ar­ti­ma­nha por par­te do go­ver­no,nós re­tor­na­mos o mo­vi­men­to ime­di­a­ta­men­te. Por is­so que a gre­ve foi ape­nas sus­pen­sa.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.