Ape­nas 6% já con­cluí­ram Ca­das­tro Am­bi­en­tal Ru­ral

O Diario do Norte do Parana - - AGRONEGÓCIO - Luiz de Car­va­lho car­va­lho@odi­a­rio.com

Pra­zo ven­ce em cin­co de maio. To­do do­no de pro­pri­e­da­de ru­ral tem que fa­zer o ca­das­tra­men­to No Pa­ra­ná, cer­ca de 530 mil áre­as ru­rais de­ve­rão ter os da­dos re­gis­tra­dos no sis­te­ma do go­ver­no

A Se­cre­ta­ria de Es­ta­do da Agri­cul­tu­ra e do Abas­te­ci­men­to (Se­ab), o Ins­ti­tu­to Pa­ra­na­en­se de As­sis­tên­cia Téc­ni­ca e Ex­ten­são Ru­ral (Ema­ter), a Fe­de­ra­ção da Agri­cul­tu­ra, sin­di­ca­tos ru­rais, co­o­pe­ra­ti­vas e ou­tras ins­ti­tui­ções li­ga­das ao sis­te­ma pro­du­ti­vo pe­dem ur­gên­cia aos agro­pe­cu­a­ris­tas pa­ra­na­en­ses pa­ra que se ins­cre­vam no Ca­das­tro Am­bi­en­tal Ru­ral (CAR). A pres­sa se de­ve ao fa­to de fal­tar me­nos de dois me­ses pa­ra o fim do pra­zo de ins­cri­ção e até ago­ra so­men­te cer­ca de 6% dos agri­cul­to­res fi­ze­ram o ca­das­tra­men­to, o que sig­ni­fi­ca que ha­ve- rá cor­re­ria de úl­ti­ma ho­ra.

Nos 30 mu­ni­cí­pi­os da re­gião de Ma­rin­gá, na área do Nú­cleo Re­gi­o­nal da Se­ab, tam­bém os ca­das­tra­dos, até o mo­men­to, es­tão em tor­no de 6%, o que sig­ni­fi­ca que me­nos de 800 das 13,2 mil pro­pri­e­da­des já es­tão re­gu­la­ri­za­das.

“Res­ta mui­to pou­co tem­po e tu­do in­di­ca que se­rá im­pos­sí­vel ca­das­trar to­das as pro­pri­e­da­des até cin­co de maio, quan­do ven­ce o pra­zo”, dis­se, on­tem, o ge­ren­te Re­gi­o­nal da Ema­ter, César Mi­guel Can­deo. De acor­do com ele, o pre­en­chi­men­to do ca­das­tro, que de­ve ser fei­to via in­ter­net, po­de pa­re­cer com­pli­ca­do pa­ra a mai­o­ria dos pro­du­to­res ru­rais, prin­ci­pal­men­te, pa­ra os agri­cul­to­res fa­mi­li- ares que po­dem não ter mui­ta in­ti­mi­da­de com com­pu­ta­do­res. Por is­so, os téc­ni­cos da Ema­ter ori­en­tam e até eles pró­pri­os fa­zem o pre­en­chi­men­to dos ca­das­tros pa­ra os pro­du­to­res. Só da agri­cul­tu­ra fa­mi­li­ar são mais de 10 mil es­ta­be­le­ci­men­tos ru­rais nos 30 mu­ni­cí­pi­os po­la­ri­za­dos por Ma­rin­gá.

O Sin­di­ca­to Ru­ral, en­ti­da­de pa­tro­nal, tam­bém dis­po­ni­bi­li­zou um con­ta­bi­lis­ta es­pe­ci­al­men­te pa­ra aten­der os as­so­ci­a­dos, mas es­tá aber­to a pres­tar ori­en­ta­ção a qual­quer ou­tro pro­pri­e­tá­rio que o pro­cu­re. Se­gun­do o con­ta­dor André Ri­car­do do Ân­ge­lo, mui­tos pro­du­to­res ten­ta­ram fa­zer a ins­cri­ção por ter­mi­nais de com­pu­ta­ção nas ca­sas de­les, mas en­con­tra­ram di­fi­cul­da­des di­an­te de al­gu­mas ques­tões e bus­cam ori­en­ta­ção do sin­di­ca­to.

Cor­te­se­mul­tas

Em to­do o Pa­ra­ná, cer­ca de 530 mil pro­pri­e­da­des ru­rais de­ve­rão ter os da­dos re­gis­tra­dos no Ca­das­tro Am­bi­en­tal Ru­ral e, se­gun­do a Fe­de­ra­ção da Agri­cul­tu­ra e Se­cre­ta­ria da Agri­cul­tu­ra, me­nos de 6,5% fi­ze­ram o do­cu­men­to até on­tem. No Bra­sil, são 5,6 mi­lhões de pro­pri­e­da­des. Chá­ca­ras, pro­pri­e­da­des de la­zer e imó­veis sem pro­du­ção agrí­co­la, mas lo­ca­li­za­dos em área ru­ral, tam­bém são obri­ga­dos efe­tu­ar o ca­das­tro.

O imó­vel que não ti­ver o re­gis­tro se tor­na­rá ir­re­gu­lar e a fal­ta de ade­são di­fi­cul­ta o aces­so a fi­nan­ci­a­men­tos, pro­gra­mas de re­gu­la­ri­za­ção fun­diá­ria e am­bi­en­tal. Sem o re­gis­tro, os imó­veis tam­bém não po­dem ser ven­di­dos ou des­mem­bra­dos, não te­rão cré­di­to agrí­co­la, li­nhas de fi­nan­ci­a­men­to e não te­rão a isen­ção de im­pos­tos pa­ra os prin­ci­pais in­su­mos e equi­pa­men­tos. O pro­pri­e­tá­rio tam­bém po­de re­ce­ber ad­ver- tên­ci­as e mul­tas.

Os da­dos cons­tan­tes do CAR são, ex­clu­si­va­men­te, ca­das­trais, não le­gi­ti­man­do di­rei­to de do­mí­ni­o­ou­pos­se.

O CAR é um re­gis­tro ele­trô­ni­co que tem por fi­na­li­da­de in- te­grar as in­for­ma­ções am­bi­en­tais re­fe­ren­tes à si­tu­a­ção das Áre­as de Pre­ser­va­ção Per­ma­nen­te (APP), áre­as de Re­ser­va Le­gal, flo­res­tas e re­ma­nes­cen­tes de ve­ge­ta­ção na­ti­va. O ca­das­tro se cons­ti­tui em ba­se de da­dos es­tra­té­gi­ca pa­ra o con­tro­le, mo­ni­to­ra­men­to e com­ba­te ao des­ma­ta­men­to das flo­res­tas e de­mais for­mas de ve­ge­ta­ção na­ti­va, ser­vin­do tam­bém pa­ra pla­ne­ja­men­to am­bi­en­tal e econô­mi­co dos imó­veis ru­rais.

—FO­TO: ARQUIVO/DNP

RE­DE. O pro­ces­so é fei­to pe­la in­ter­net; Ema­ter e Sin­di­ca­to Pa­tro­nal têm pes­so­al de apoio.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.