Mo­to­ris­ta é acu­sa­do de fur­tar ce­lu­lar de mor­to

O Diario do Norte do Parana - - MARINGÁ - ///Mu­ri­loGat­ti

Um mo­to­ris­ta do Ins­ti­tu­to Mé­di­co Le­gal (IML) de Ma­rin­gá foi de­nun­ci­a­do pe­lo Mi­nis­té­rio Pú­bli­co pe­la prá­ti­ca de pe­cu­la­to (cri­me pra­ti­ca­do por fun­ci­o­ná­rio pú­bli­co). O mo­ti­vo é que ele fur­tou um ce­lu­lar Sam­sung, mo­de­lo S5 mi­ni, das ves­tes de Iz­zat Sa­mir Ah­mad Yu­suf, que foi assassinado em de­zem­bro do ano pas­sa­do. O ca­so foi des­co­ber­to pe­la De­le­ga­cia de Ho­mi­cí­di­os. Ao ras­tre­ar o ce­lu­lar da ví­ti­ma em bus­cas de sus­pei­tos e even­tu­ais pro­vas, os in­ves­ti­ga­do­res des­co­bri­ram que o apa­re­lho es­ta­va com a mu­lher do de­nun­ci­a­do. Ela ha­via re­ce­bi­do o ce­lu­lar co­mo pre­sen­te e, se­gun­do o Mi­nis­té­rio Pú­bli­co, não ti­nha co­nhe­ci­men­to da pro­ce­dên­ci­a­cri­mi­no­sa. Ou­tra pro­va do cri­me é que den­tro do ce­lu­lar ha­via um chip re­gis­tra­do em no­me do mo­to­ris­ta. O ca­so vai ser jul­ga­do na 4ª Va­ra Cri­mi­nal de Ma­rin­gá, on­de cor­reu o inqué­ri­to po­li­ci­al. A di­re­ção do IML de Ma­rin­gá la­men­tou o fa­to e en­ca­mi­nhou o ca­so pa­ra a di­re­ção ge­ral do Ins­ti­tu­to, em Curitiba, on­de vai ser aber­to um pro­ce­di­men­to ad­mi­nis­tra­ti­vo pa­ra apu­rar o ca­so. A di­re­ção do IML de­fen­de a ado­ção das me­di­das ne­ces­sá­ri­as pa­ra pe­na­li­zar o ato do fun­ci­o­ná­rio, apon­ta­do co­mo iso­la­do e ir­res­pon­sá­vel. O con­tra­to do mo­to­ris­ta com a Se­cre­ta­ria de Es­ta­do da Se­gu­ran­ça Pú­bli­ca é tem­po­rá­rio e vai se en­cer­rar no fi­nal do pri­mei­ro se­mes­tre.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.