Aber­to pra­zo pa­ra de­cla­ra­ção em atra­so e re­ti­fi­ca­ções do IR

O Diario do Norte do Parana - - MARINGÁ - Pau­li­ne Almeida ma­rin­ga@odi­a­rio.com Acom­pa­nha­men­to

Mais de 28,5 mi­lhões de bra­si­lei­ros en­vi­a­ram da­dos pa­ra a Re­cei­ta Fe­de­ral Quem não de­cla­rou até a úl­ti­ma sex­ta será mul­ta­do em, no mí­ni­mo, R$ 165,74

O nú­me­ro de de­cla­ra­ções re­ce­bi­das do Im­pos­to de Ren­da Pes­soa Fí­si­ca 2017 ex­tra­po­lou o pre­vis­to ini­ci­al­men­te pe­la Re­cei­ta Fe­de­ral do Bra­sil, de 28,3 mi­lhões. No fe­cha­men­to do pra­zo, às 23h59 da úl­ti­ma sex­ta-fei­ra, o ór­gão so­mou 28.524.560 en­tre­gas. Em Ma­rin­gá, eram aguar­da­das 80,6 mil. A re­por­ta­gem de O Diá­rio ten­tou os da­dos atu­a­li­za­dos, mas a de­le­ga­cia da ci­da­de te­ve um pro­ble­ma na in­ter­net e fi­cou sem aces­so ao sis­te­ma on­tem.

Quem ain­da não de­cla­rou o Im­pos­to de Ren­da já po­de pre- en­cher os da­dos, mas pa­ga­rá mul­ta pe­lo atra­so.

O va­lor é de 1% até 20% do im­pos­to de­vi­do ou o mí­ni­mo de R$ 165,74. O de­le­ga­do adjunto da Re­cei­ta Fe­de­ral em Ma­rin­gá, Mil­ton Vi­dot­ti Mar­ti­nez, cha­mou a aten­ção pa­ra os pro­ble­mas que a fal­ta da en­tre­ga po­dem cau­sar.

“Quem não de­cla­rou fi­ca su­jei­to à au­di­to­ria fis­cal e mul­ta. Se fi­car ca­rac­te­ri­za­do cri­me con­tra a or­dem tri­bu­tá­ria, po­de so­frer uma re­pre­sen­ta­ção cri­mi­nal. Po­de vir tam­bém a ser ins­cri­to na dí­vi­da ati­va e ter im­pe­di­men­to de ob­ter em­prés­ti­mos”, men­ci­o­na Mar­ti­nez

No ca­so do con­tri­buin­te no­tar que co­me­teu um er­ro, ele po­de fa­zer uma de­cla­ra­ção re­ti­fi­ca­do­ra no pra­zo de até cin­co anos, sem mul­ta, não sen­do pos­sí­vel ape­nas mu­dar a es­co­lha do ti­po en­tre sim­pli­fi­ca­da e com­ple­ta. É pos­sí­vel acom­pa­nhar a aná­li­se do IRPF 2017 por meio do Cen­tro Vir­tu­al de Aten­di­men­to ao Con­tri­buin­te (e-CAC – cav.re­cei­ta.fa­zen­da.gov.br). O in­te­res­sa­do de­ve fa­zer um ca­das­tro com a apre­sen­ta­ção dos nú­me­ros das úl­ti­mas du­as de­cla­ra­ções e pas­sa a ter um lo­gin.

Na ava­li­a­ção dos da­dos, pes­so­as com mais de 60 anos, por­ta­do­ras de do­en­ças gra­ves e com cer­ti­fi­ca- do di­gi­tal ga­nham pri­o­ri­da­de. Es­tas pes­so­as são se­gui­das por aque­las que apre­sen­ta­ram a de­cla­ra­ção com an­te­ce­dên­cia.

O me­do é cair na ma­lha fi­na, uma sé­rie de fil­tros fi­xa­dos pe­la Re­cei­ta Fe­de­ral em que os da­dos são cru­za­dos pa­ra o apon­ta­men­to de ir­re­gu­la­ri­da­des, na ten­ta­ti­va de tes­tar tu­do que o con­tri­buin­te in­for­mou. Se hou­ver pro­ble­ma, o pró­prio sis­te­ma apon­ta e in­di­ca co­mo so­lu­ci­o­nar.

Pa­ra o con­tri­buin­te que não cair na ma­lha, ti­ver a de­cla­ra­ção va­li­da­da e pos­suir di­nhei­ro a re­ce­ber, as res­ti­tui­ções co­me­çam a ser de­po­si­ta­das em ju­nho e pros­se­guem até de­zem­bro.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.