Dois sus­pei­tos são pre­sos pe­la po­lí­cia

O Diario do Norte do Parana - - MARINGÁ - Ro­ber­to Sil­va ro­ber­to­sil­va@odi­a­rio.com Che­ques­rou­ba­dos

Sus­pei­tos de pra­ti­car uma sé­rie de cri­mes em Ma­rin­gá, Wes­ley da Sil­va Amo­rim, 28 anos, o “Bo­li­nha”, e Mar­cos Rodrigues Di­as, 37 anos, o “Mar­qui­nhos”, fo­ram pre­sos e re­co­nhe­ci­dos em ao me­nos três rou­bos e dois ar­rom­ba­men­tos ocor­ri­dos, nes­te ano, em bair­ros dis­tin­tos da ci­da­de, e que te­ri­am cau­sa­do pre­juí­zos es­ti­ma­dos em tor­no de R$ 300 mil às ví­ti­mas.

Se­gun­do a po­lí­cia, a du­pla agia em com­pa­nhia de Ed­val­do Rodrigues Di­as Jú­ni­or, 25 anos, o “Cu­ca”, que es­tá fo­ra­gi­do. “Es­te gru­po se­le­ci­o­na­va e es­tu­da­va os al­vos a se­rem ata­ca­dos e agia a qual­quer ho­ra do dia, sem­pre com uso de vi­o­lên­cia”, ob­ser­vou o de­le­ga­do ope­ra­ci­o­nal Laér­cio Car­do­so Fahur, que re­pre­sen­tou pe­las­pri­sões­dos­sus­pei­tos.

De acor­do com o de­le­ga­do, o pri­mei­ro rou­bo pra­ti­ca­do pe­lo trio foi re­gis­tra­do no dia 26 de fe­ve­rei­ro, na Zo­na 5. Ar­ma­dos, Bo­li­nha,Mar­qui­nho­seCu­ca­te­ri­am in­va­di­do uma re­si­dên­cia de al­to­pa­drão­e­rou­ba­dou­ma­gran­de so­ma em joi­as, re­ló­gi­os, ele­tro­e­le­trô­ni­cos e até cal­ça­dos. O do­no do imó­vel re­la­tou que os la­drões vol­ta­ram a in­va­dir a sua ca­sa no dia 2 de abril e fur­ta­ram vá­ri­o­sob­je­tos­de­va­lor.

Ain­da se­gun­do o de­le­ga­do, ou­tro cri­me atri­buí­do ao trio ocor­reu na tar­de de 31 de mar­ço, na Zo­na 2. Ar­ma­dos, os la­drões usa­ram uma obra vi­zi­nha pa­ra pu­lar pa­ra o quin­tal da re­si­dên­ci­a­e­ren­de­ra­mo­ra­do­ra,que­es­ta­va so­zi­nha. Ame­a­ça­da de mor­te, a ví­ti­ma foi obri­ga­da a en­tre­gar to­da co­le­ção de joi­as, re­ló­gi­os e ob­je­tos de va­lor. Ou­sa­dos, os la­drões vol­ta­ram a agir ho­ras de­pois, ar­rom­ban­do uma ca­sa de al­to pa­drão, tam­bém si­tu­a­da na Zo­na 2, e fur­tan­do gran­de quan­ti­da­de de ob­je­tos e joi­as. Ou­tro rou­bo a re­si­dên­cia ocor­reu dia 10 de maio, no Jar­dim Igua­çu, mas a ví­ti­ma re­a­giu e obri­gou os la­drões a fu­gi­rem, le­van­do um pe­que­no­va­lor.

Fahur res­sal­ta que a ou­sa­dia dos la­drões era ta­ma­nha que um de­les che­gou a ti­rar fotos com ob­je­tos rou­ba­dos e fur­ta­dos pa­ra, su­pos­ta­men­te, os­ten­tar-se no mun­do do cri­me. “So­ma­dos a ou­tro pro­ces­so que en­vol­ve um dos pre­sos, os pre­juí­zos cau­sa­dos às ví­ti­mas pas­sam de R$ 800 mil”, fri­sou um dos agen­tes en­vol­vi­do­na­sin­ves­ti­ga­ções. Em ou­tra in­ves­ti­ga­ção pa­ra­le­la, o em­pre­sá­rio Ro­dri­go Ja­co­mi­ni Jú­ni­or, 21 anos, foi fla­gra­do com cer­ca de R$ 12 mil em che­ques rou­ba­dos. O em­pre­sá­rio foi pre­so após usar al­gu­mas fo­lhas de che­ques pa­ra com­prar vá­ri­as pe­ças de rou­pas em uma lo­ja lo­ca­li­za­da na Vi­la Ope­rá­ria. Na ca­sa­de­le, osin­ves­ti­ga­do­re­sa­pre­en­de­ram mu­ni­ções e es­to­jos de mu­ni­ções­ca­li­bre.38e.22.

O de­le­ga­do ex­pli­ca que os che­ques re­cu­pe­ra­dos eram par­te de um lo­te de R$ 80 mil em pré­da­ta­dos rou­ba­dos, dia 7 de maio pas­sa­do, de um em­pre­sá­rio re­si­den­te no Jar­dim Igua­çu. Além da so­ma, a ví­ti­ma te­ve vá­ri­as joi­as rou­ba­das por três ho­mens ar­ma­dos, que in­va­di­ram a sua ca­sa. Ja­co­mi­ni re­cu­sou pres­tar in­ter­ro­ga­tó­rio.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.