O Diario do Norte do Parana - - CULTURA -

O Te­a­tro Ca­lil Had­dad re­ce­be­rá a ópe­ra “Così fan tut­te” amanhã, às 20 ho­ras, com en­tra­da gra­tui­ta. Pro­du­zi­da com in­cen­ti­vo do Mi­nis­té­rio da Cul­tu­ra por meio da Lei Rou­a­net e em par­ce­ria com a Usi­na San­ta Te­re­zi­nha, o es­pe­tá­cu­lo é uma apre­sen­ta­ção de uma das mais fa­mo­sas obras do com­po­si­tor aus­tría­co Wolf­gang Ama­deus Mo­zart.

A ópe­ra “Così fan tut­te” é uma comédia cri­a­da no sé­cu­lo 18 e apre­sen­ta­da pe­la pri­mei­ra vez em ja­nei­ro de 1790 em Vi­e­na, na Áus­tria. Con­si­de­ra­da uma das obras-pri­mas de Mo­zart, a tra­ma abor­da a in­fi­de­li­da­de amo­ro­sa, com­pos­ta em uma épo­ca em que a in­fi­de­li­da­de fe­mi­ni­na era mais acei­tá­vel que a mas­cu­li­na.

Na tra­ma os jo­vens ofi­ci­ais Fer­ran­do e Gu­gli­el­mo apos­tam com um ve­lho ami­go, Don Al­fon­so, que su­as res­pec­ti­vas noi­vas – as ir­mãs Fi­or­di­li­gi e Do­ra­bel­la – nun­ca se­ri­am ca­pa­zes de os trair. Eles, en­tão, pla­ne­jam uma en­ce­na­ção às don­ze­las com a aju­da de Don Afon­so, tro­can­do de ca­sais e se dis­far­çan­do de al­ba­ne­ses.

Se­gun­do a di­re­to­ra ar­tís­ti­ca da pe­ça, Ro­sa­na La­mo­sa, a pe­ça pos­sui uma te­má­ti­ca bas­tan­te em vo­ga: a dis­cus­são de gê­ne­ros. “Pa­ra a épo­ca era um te­ma mo­der­no. Ele dis­cu- te es­sas ques­tões sem bo­tar al­gum pe­so ou le­van­tar a ban­dei­ra pa­ra qual­quer um dos la­dos”, diz.

A pe­ça tem du­ra­ção de 1h45­min, com 15 mi­nu­tos de in­ter­va­lo. Du­ran­te o es­pe­tá­cu­lo, uma nar­ra­ção em por­tu­guês con­tex­tu­a­li­za­rá o público ao te­ma da pe­ça, en­quan­to que os per­so­na­gens prin­ci­pais in­ter­pre­tam as ári­as (com­po­si­ções pa­ra a voz dos so­lis­tas) to­das em ita­li­a­no.

Pa­ra o tenor Sós­te­nes Pereira, um dos or­ga­ni­za­do­res e so­lis­ta da pe­ça in­ter­pre­tan­do o per­so­na­gem Fer­ran­do, a obra “Così fan tut­te” é sin­gu­lar. “É uma das ópe­ras mais im­por­tan­tes de Mo­zart. As ári­as, har­mo­ni­as e a cons­tru­ção do bel can­to [can­ção da ópe­ra ita­li­a­na] são be­lís­si­mas”, enal­te­ce.

Es­sa é a pri­mei­ra apre­sen­ta­ção de ópe­ra na cidade es­te ano. No ano an­te­ri­or Ma­rin­gá se­di- ou a pri­mei­ra Tem­po­ra­da de Ópe­ras da re­gião, com apre­sen­ta­ções di­ver­sas no Te­a­tro Lu­za­mor. Em 2015 dois espetáculos do gê­ne­ro acon­te­ce­ram nos pal­cos ma­rin­ga­en­ses, am­bos pro­du­zi­dos por Sós­te­nes Pereira com ver­ba do Prê­mio Ani­cet­to Ma­ti de In­cen­ti­vo à Cul­tu­ra.

Ele afir­ma que o in­te­res­se do público por es­se ti­po de es­pe­tá­cu­lo es­tá cres­cen­do em Ma­rin­gá, con­tri­buin­do pa­ra que ha­jam ca­da vez mais apre­sen­ta­ções do gê­ne­ro. “A mú­si­ca eru­di­ta es­tá flo­res­cen­do em Ma­rin­gá. En­quan­to que mui­tas ca­pi­tais do Bra­sil es­tão aca­ban­do com cor­pos ar­tís­ti­cos, a cidade es­tá fo­men­tan­do a mú­si­ca por meio des­sas ações cul­tu­rais”, diz. A pe­ça con­ta com di­ver­sos no­mes da re­gião, co­mo Sós­te­nes Pereira (Ma­rin­gá), Keid­ma Ju­li­a­na e Ca­mi­la Santiago (Apu­ca­ra­na), Thi­a­go Sto­pa (Cas­ca­vel) e Ka­roly­ne Li­e­sem­berg (Cu­ri­ti­ba). O co­ral fi­ca­rá a cargo da Co­ro Es­co­la da UEM e o ins­tru­men­tal pe­la Or­ques­tra Sinfô­ni­ca da UEL. A di­re­ção é do ma­es­tro Alessandro San­gi­or­gi e a di­re­ção ar­tís­ti­ca de Ro­sa­na La­mo­sa, um dos mai­o­res no­mes so­pra­nos no País.

O es­pe­tá­cu­lo ro­da so­men­te ci­da­des do Nor­te do Pa­ra­ná. Em Man­da­gua­çu, se­rá nes­ta quinta-fei­ra, en­quan­to que Lon­dri­na se­rá con­tem­pla­da sex­ta­fei­ra, no Ci­ne Com-Tour, UEL.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.