Pa­ra quem tem ba­la na agu­lha

O Diario do Norte do Parana - - ESPECIAL IMÓVEIS - Fer­nan­da Ber­to­la fer­nan­da@odi­a­rio.com

Em­pre­en­di­men­to mais ca­ro no Clas­si­diá­rio cus­ta R$ 3,8 mi Apar­ta­men­to tem vis­ta pa­ra Ca­te­dral

Um apar­ta­men­to por an­dar, com ele­va­dor pri­va­ti­vo, cla­ro. Cer­ca de 340m2 de al­to pa­drão e mui­ta tec­no­lo­gia. Qua­tro suí­tes com pi­so de bam­bu ma­ci­ço. Ter­ra­ço gour­met na sa­ca­da pa­no­râ­mi­ca, que so­zi­nha tem qua­se 60 m2 de área – é do ta­ma­nho de um apar­ta­men­to pe­que­no. Es­ses são ape­nas al­guns dos atri­bu­tos do imó­vel mais ca­ro que está à ven­da no Clas­si­diá­rio on­li­ne. Pa­ra mo­rar ne­le, é pre­ci­so de­sem­bol­sar a ‘ba­ga­te­la’ de R$ 3.838.000,00.

O apar­ta­men­to fica no 28º an­dar do edi­fí­cio, re­cém-cons­truí­do, Icon Re­si­den­ce, lo­ca­li­za­do na Ave­ni­da Her­val, 64. An­ge­la Aquo­ti é ge­ren­te de ven­das da In­ga­vil­le, imo­bi­liá- ria res­pon­sá­vel pe­la ven­da da uni­da­de. “O Icon pro­por­ci­o­na a me­lhor vis­ta da ci­da­de. Da sa­la, da suí­te ou da co­zi­nha é pos­sí­vel con­tem­plar a Ca­te­dral”, ven­de o pei­xe.

O pri­vi­le­gi­a­do que pu­der com­prar o imó­vel con­ta­rá com cen­tral e re­de au­to­ma­ção. Sim, na uni­da­de, bas­ta aper­tar um bo­tão pa­ra as per­si­a­nas se abri­rem. Tam­bém te­rá à dis­po­si­ção uma re­de de as­pi­ra­ção cen­tral, uma mo­der­ni­da­de efi­ci­en­te em re­la­ção à lim­pe­za. Pa­ra aci­o­ná-la, bas­ta co­nec­tar a man­guei­ra de as­pi­ra­ção em al­gu­mas das to­ma­das do apar­ta­men­to pa­ra re­a­li­zar uma as­pi­ra­ção prá­ti­ca.

Nem ba­ru­lho da ave­ni­da nem os ruí­dos in­ter­nos se­rão pro­ble­ma pa­ra quem com­prar o apar­ta­men­to. Is­so por­que as tu­bu­la­ções de es­go­to fo­ram re­ves­ti­das com pro­te­ção acús­ti- ca e as pa­re­des in­ter­nas, em drywall, fo­ram pre­en­chi­das com lã de ro­cha, que pro­mo­vem iso­la­men­to acús­ti­co com al­ta efi­ci­ên­cia.

A área ex­ter­na ao apar­ta­men­to tam­bém es­ban­ja luxo. Pa­ra se ter ideia, na ga­ra­gem, on­de ca­bem qua­tro car­ros, há de­pó­si­to pri­va­ti­vo, pis­ci­na com deck mo­lha­do, co­ber­ta e aque­ci­da, mi­ni­gol­fe, en­tre ou­tros.

A se­gu­ran­ça, da mes­ma for­ma, é ga­ran­ti­da, gra­ças aos vi­dros blin­da­dos da gua­ri­ta, às câ­me­ras de con­tro­le, por­tões du­plos com es­pa­ço pa­ra clau­su­ra, sis­te­ma de sen­so­res in­fra­ver­me­lho em to­do o ali­nha­men­to do pré­dio e mu­ros de três me­tros de al­tu­ra.

Uma se­gun­da uni­da­de no Icon à ven­da no Clas­si­diá­rio ocu­pa a vi­ce-li­de­ran­ça dos mais ca­ros no ran­king do si­te: cus­ta R$ 3.785.000,00. No ter­cei­ro lu­gar do ran­king de mais ca­ros no Clas­si­diá­rio on­li­ne está uma uni­da­de no fa­mo­so Royal Gar­den, que fica na Ave­ni­da Ti­ra­den­tes, 968. O apar­ta­men­to cus­ta R$ 3,2 mi­lhões fa­zen­do jus à mai­or área pri­va­ti­va de Ma­rin­gá, que che­ga aos 527 m2 de área útil.

De acor­do com o cor­re­tor de imó­veis da Op­ção, Luiz Hi­raiwa, res­pon­sá­vel pe­la ven­da da uni­da­de, ou­tro des­ta­que é que o Royal Gar­den, cons­truí­do há cer­ca de 20 anos, é o mais al­to da ci­da­de e uns dos mais al­tos do Pa­ra­ná, o que con­fe­re gla­mour à mo­ra­dia.

A lis­ta de di­fe­ren­ci­ais do imó­vel in­clui ven­ti­la­ção e ilu­mi­na­ção na­tu­ral, am­bi­en­tes in­te­gra­dos e es­pa­ço­sos. Só no es­pa­ço das três sa­las do apar­ta­men­to ca­be­ria um ou­tro, já que a área me­de 60 m2.

A vis­ta da Ca­te­dral a par­tir do Royal tam­bém é des­lum­bran­te, se­gun­do o cor­re­tor. “É um pré­dio atu­al, com ele­va­dor pa­no­râ­mi­co, sa­lão de fes­tas pa­ra cer­ca de 200 pes­so­as, de jo­gos. E a co­ber­tu­ra em es­pa­ço gour­met com pis­ci­na”, men­ci­o­na Hi­raiwa.

Com tan­tos am­bi­en­tes no imó­vel, que as­su­me um sem­fim de pos­si­bi­li­da­des de de­co­ra­ção, e uma área de lazer agra­dá­vel, com um jar­dim sem­pre bem cui­da­do, o Royal Gar­den con­ta com por­ta­ria e se­gu­ran­ça 24 ho­ras na en­tra­da e saí­da da ga­ra­gem.

Pa­ra ser vi­zi­nho de por­ta no Royal Gar­den de mé­di­os e em­pre­sá­ri­os, mas tam­bém po­lí­ti­cos, juí­zes e ou­tros “bam­bam­bans”, além de al­guns mi­lhões, é pre­ci­so de­sem­bol­sar men­sal­men­te o va­lor do con­do­mí­nio, que che­ga a R$ 3 mil.

—FOTOS: DIVULGAÇÃO

TEC­NO­LO­GIA. Apê no Icon Re­si­den­ce tem re­de de as­pi­ra­ção cen­tral.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.