Pre­fei­to de Janiópolis diz ao po­vo que ‘não fi­ca’

O Diario do Norte do Parana - - PARANÁ - Luiz de Car­va­lho car­va­lho@odi­a­rio.com

Omé­di­coLe­o­pol­doHei­tor­deO­li­vei­ra Cos­ta, o Dr. Hei­tor (PSB), elei­to co­mo can­di­da­to úni­co à pre­fei­tu­ra de Janiópolis, na re­gião­deCam­poMou­rão,re­nun­ci­ou ao car­go na noi­te des­ta ter­ça­fei­ra,três di­as an­tes de com­ple­tar cin­co me­ses no car­go. O vi­ce­pre­fei­to, ad­vo­ga­do Is­ma­el José De­za­nos­ki (PSD), as­su­miu a pre­fei­tu­ra em ses­são da Câ­ma­ra na noi­te­de­on­tem.

A re­nún­cia foi anun­ci­a­da du­ran­te a ses­são da Câ­ma­ra de Ve­re­a­do­res, quan­do a Me­sa Di­re­to­ra re­ce­beu a car­ta re­nún­cia de Hei­tor. Na re­a­li­da­de, há di­as o pre­fei­to já fa­la­va em re­nun­ci­ar e an­tes da de­ci­são con­ver­sou com seu vi­ce-pre­fei­to, que se com­pro­me­teu em dar con­ti­nui­da­de ao pro­je­to que vi­nha sen­do re­a­li­za­do.

Ape­sar do ine­di­tis­mo da de­ci­são, na ci­da­de, o Dou­tor Hei­tor foi apoi­a­do pe­la po­pu­la­ção de Janiópolis, que en­ten­deu su­as ra­zões. Nas re­des so­ci­ais, di­ver­sas pes­so­as pu­bli­ca­ram men­sa­gens de apoio, de­mons­tran­do que a de­ci­são não foi ofen­si­va, ape­sar de ele ser elei­to com mais de 90% dos vo­tos. “Mui­tos es­tu­dos,mui­ta de­di­ca­ção ,mui­tos so­nhos e pla­nos, ele se pre­pa­rou, ele lu­tou, só que a mis­são de­le não era es­ta, não es­ta­va bem e por is­so vol­ta­rá a exercer a sua pro­fis­são e lá sim trans­for­ma­rá a vi­da das pes­so­as!!!! Es­ta­rei sem­pre ao seu la­do em to­das as de­ci- sões. meu amor!!!”, postou a es­po­sa, a odon­tó­lo­ga Ali­ne Pa­ri­se.

Hei­tor Cos­ta ex­pli­cou que as atri­bui­ções do car­go de pre­fei­to es­ta­vam afe­tan­do sua vi­da pes­so­al e sua saú­de. “Co­mo mé­di­co, sem­pre dis­se a meus pa­ci­en­tes pa­ra não for­ça­rem de­mais, pa­ra pro­cu­ra­rem des­li­gar do tra­ba­lho, evi­tar o es­tres­se. Mas, eu não es­ta­va con­se­guin­do fa­zer aqui­lo que re­cei­ta­va co­mo me­di­da pa­ra uma vi­da sau­dá­vel e de qua­li­da­de”.

Ami­gos re­ve­la­ram que o pre- fei­to es­ta­va mui­to tris­te pe­lo fa­to de a pre­fei­tu­ra não ter re­cur­sos pa­ra re­a­li­zar os tra­ba­lhos que ele de­se­ja­va fa­zer pa­ra a po­pu­la­ção de sua ci­da­de. Ele te­ria si­do elei­to co­mo a gran­de es­pe­ran­ça da ci­da­de, pri­mei­ro por ser um pre­fei­to com cur­so su­pe­ri­or e por ter con­se­gui­do jun­tar, em tor­no de seu no­me, pra­ti­ca­men­te to­das as for­ças po­lí­ti­cas da ci­da­de. “Nes­tes pou­cos me­ses à fren­te do mu­ni­cí­pio, fui mui­to aber­to com a po­pu­la­ção, pres­tei con­ta em pra­ça pú­bli­ca e aca­bei com a po­li­ti­ca­gem. Eu e mi­nha equi­pe es­tá­va­mos ali pa­ra tra­ba­lhar pe­la ci­da­de, não pa­ra fa­zer po­li­ti­ca­gem”, dis­se.

Hei­tor tem 36 anos, é clí­ni­co ge­ral. Nas­ci­do em Janiópolis, é fi­lho do mé­di­co Ernesto de Araú­jo Cos­ta, es­tu­dou em Ma­rin­gá e se for­mou na Uni­ver­si­da­de Fe­de­ral da Gran­de Dou­ra­dos-MS. Nun­ca ti­nha dis­pu­ta­do uma elei­ção e só se fi­li­ou a um par­ti­do po­lí­ti­co quan­do já era o úni­co no­me pa­ra dis­pu­tar a pre­fei­tu­ra.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.