Ope­ra­ção am­plia cer­co ao PMDB do Rio

Ca­deia Ve­lha. MPF diz que Pic­ci­a­ni e ou­tros pe­e­me­de­bis­tas re­ce­be­ram R$ 112 mi em pro­pi­nas da Fe­trans­por; pela 1ª vez, cú­pu­la de um Le­gis­la­ti­vo es­ta­du­al é al­vo de ação da PF

O Estado de S. Paulo - - Primeira Página - Cons­tan­ça Re­zen­de Mar­cio Dol­zan / RIO

Em in­ves­ti­ga­ção com a PF, pro­cu­ra­do­res da Re­pú­bli­ca afir­mam que o pre­si­den­te da As­sem­bleia Le­gis­la­ti­va do Rio, Jor­ge Pic­ci­a­ni, e os tam­bém de­pu­ta­dos es­ta­du­ais do PMDB Pau­lo Me­lo e Ed­son Al­ber­tas­si re­ce­be­ram jun­tos, em 5 anos, pe­lo me­nos R$ 112 milhões em pro­pi­nas de en­ti­da­de do se­tor de trans­por­te ur­ba­no de pas­sa­gei­ros. Um dos fi­lhos de Pic­ci­a­ni, Fe­li­pe, foi pre­so sob acu­sa­ção de la­va­gem de di­nhei­ro em em­pre­sa.

Uma ação do Mi­nis­té­rio Pú­bli­co Fe­de­ral (MPF) e da Po­lí­cia Fe­de­ral (PF) atin­giu on­tem a cú­pu­la da As­sem­bleia Le­gis­la­ti­va do Rio (Alerj). Ba­ti­za­da de Ca­deia Ve­lha, a ope­ra­ção in­ves­ti­ga a sus­pei­ta de que em­pre­sá­ri­os de trans­por­te pa­ga­ram pro­pi­nas a de­pu­ta­dos es­ta­du­ais e ou­tros cri­mes. A lis­ta de in­ves­ti­ga­dos in­clui o úl­ti­mo dos gran­des ca­ci­ques do PMDB flu­mi­nen­se, Jor­ge Pic­ci­a­ni, pre­si­den­te da Ca­sa e do par­ti­do no Es­ta­do, além dos de­pu­ta­dos Pau­lo Me­lo e Ed­son Al­ber­tas­si, am­bos tam­bém do PMDB.

Os três fo­ram al­vo de con­du­ções co­er­ci­ti­vas pa­ra depoimento e ti­ve­ram su­as pri­sões pre­ven­ti­vas pe­di­das à Justiça. As acu­sa­ções são corrupção, as­so­ci­a­ção cri­mi­no­sa, la­va­gem de di­nhei­ro e eva­são de di­vi­sas.

Pro­cu­ra­do­res da Re­pú­bli­ca afir­mam que Pic­ci­a­ni e Me­lo, que tam­bém co­man­dou a Alerj, re­ce­be­ram, jun­tos, mais de R$ 112 milhões em pro­pi­nas da Fe­trans­por, en­ti­da­de do se­tor de trans­por­te ur­ba­no de pas­sa­gei­ros, num pe­río­do de cin­co anos. Os pa­ga­men­tos eram men­sais.

“No pe­río­do de 15 de ju­lho de 2010 a 14 de ju­lho de 2015, foi pa­go da con­ta da Fe­trans­por pa­ra Pic­ci­a­ni R$ 58,58 milhões, e pa­ra Pau­lo Me­lo R$ 54,3 milhões”, dis­se a pro­cu­ra­do­ra An­dréa Frei­re. Se­gun­do ela, par­te do di­nhei­ro te­ria si­do pa­ga a man­do do ex-go­ver­na­dor pe­e­me­de­bis­ta Sérgio Ca­bral. “Ha­via um pro­je­to de po­der de en­ri­que­ci­men­to ilí­ci­to por mui­tos in­te­gran­tes do PMDB do Rio.”

Foi a pri­mei­ra ope­ra­ção da PF li­ga­da às in­ves­ti­ga­ções da La­va

Ja­to que te­ve co­mo al­vo o co­man­do de um Le­gis­la­ti­vo es­ta­du­al. Tam­bém foi a pri­mei­ra ação do gê­ne­ro que pre­ci­sou de au­to­ri­za­ção de um Tri­bu­nal Re­gi­o­nal Fe­de­ral – o da 2.ª Re­gião – no ca­so. Is­so era ne­ces­sá­rio por cau­sa das prer­ro­ga­ti­vas de fo­ro dos par­la­men­ta­res sob in­ves­ti­ga­ção. Ao to­do, fo­ram ex­pe­di­dos pela cor­te seis man­da­dos de pri­são pre­ven­ti­va, qua­tro de pri­são tem­po­rá­ria e 35 de bus­ca e apre­en­são no Rio, Sa­qua­re­ma, Vol­ta Re­don­da e Ube­ra­ba (MG). A ope­ra­ção foi ba­ti­za­da de Ca­deia Ve­lha em alu­são à pri­são que exis­tia no lo­cal on­de foi cons­truí­da a se­de da Alerj.

Fi­lho. Um dos pre­sos tem­po­ra­ri­a­men­te foi Fe­li­pe Pic­ci­a­ni, um dos fi­lhos do pre­si­den­te do PMDB. Ele di­ri­ge a Agro­bi­la­ra, em­pre­sa pe­cuá­ria da fa­mí­lia, em Ube­ra­ba, ci­ta­da em di­ver­sas in­ves­ti­ga­ções

co­mo cen­tro de la­va­gem de di­nhei­ro. Os pe­di­dos de pri­são dos par­la­men­ta­res te­rão de ser jul­ga­dos pe­lo TRF-2.

A in­ves­ti­ga­ção du­rou seis me­ses e tem co­mo ba­se que­bras de si­gi­lo ban­cá­rio, te­lefô­ni­co e te­le­má­ti­co, acor­dos de le­ni­ên­cia e de co­la­bo­ra­ção pre­mi­a­da, além de provas ob­ti­das a par­tir das ope­ra­ções da La­va Ja­to do Rio – Ca­li­cu­te, Efi­ci­ên­cia, Des­con­tro­le, O Quin­to do Ou­ro e Pon­to Fi­nal.

De acor­do com o MPF, a or­ga­ni­za­ção cri­mi­no­sa age des­de 1990 (mais in­for­ma­ções na pág.

Re­nún­cia fis­cal

Par­te do de­se­qui­lí­brio fi­nan­cei­ro do Rio, di­zem in­ves­ti­ga­do­res, se de­ve ao gran­de nú­me­ro de be­ne­fí­ci­os fis­cais. De 2008 a 2013, se­gun­do o TCE-RJ, o Es­ta­do dei­xou de ar­re­ca­dar R$ 138 bi­lhões. A6) e tem en­tre seus in­te­gran­tes o ex-go­ver­na­dor Sérgio Ca­bral, pre­so des­de no­vem­bro de 2016. O es­que­ma in­cluiu, afir­mam os pro­cu­ra­do­res, a ocul­ta­ção de re­cur­sos pú­bli­cos. Tam­bém te­ria en­vol­vi­do do­a­ções da cons­tru­to­ra Ode­bre­cht a po­lí­ti­cos, de­cla­ra­das em acor­dos de co­la­bo­ra­ção já ho­mo­lo­ga­dos.

O su­pe­rin­ten­den­te da Po­lí­cia Fe­de­ral no Rio, Jai­ro Sou­za da Sil­va, re­la­ci­o­nou a cri­se fi­nan­cei­ra do Es­ta­do com o es­que­ma. “Es­ta or­ga­ni­za­ção foi man­ti­da por mem­bros do Exe­cu­ti­vo, do Le­gis­la­ti­vo e em­pre­sá­ri­os, prin­ci­pal­men­te da cons­tru­ção ci­vil e da Fe­trans­por. O Rio vem sen­do sa­que­a­do por es­se gru­po há mais de uma dé­ca­da, re­sul­tan­do na fa­lên­cia mo­ral e fi­nan­cei­ra do Rio, nos sa­lá­ri­os atra­sa­dos do fun­ci­o­na­lis­mo pú­bli­co, na po­lí­cia su­ca­te­a­da e na vi­o­lên­cia que nos ago­nia to­dos os di­as.”

‘Em­pa­pu­çam’. O pro­cu­ra­dor Carlos Alberto Go­mes de Agui­ar de­cla­rou que “en­quan­to o Rio de­fi­nha”, os al­vos da Ca­deia Ve­lha “se em­pa­pu­çam com di­nhei­ro da corrupção”. Ele afir­mou ain­da que “a or­ga­ni­za­ção cri­mi­no­sa es­tá em fran­ca ati­vi­da­de” e que, por is­so, fo­ram pe­di­das as pri­sões pre­ven­ti­vas de em­pre­sá­ri­os de ôni­bus. Des­ses, fo­ram pre­sos Lé­lis Tei­xei­ra, Mar­cos Tei­xei­ra e Jacob Ba­ra­ta Fi­lho.

Lé­lis e Jacob Ba­ra­ta che­ga­ram a ser pre­sos em outra fa­se da ope­ra­ção, mas res­pon­di­am em li­ber­da­de após ha­be­as cor­pus con­ce­di­do pe­lo mi­nis­tro do Su­pre­mo Tri­bu­nal Fe­de­ral Gilmar Men­des. Jo­sé Carlos La­vou­ras tam­bém te­ve a pri­são de­cre­ta­da, mas es­tá em Por­tu­gal, on­de já es­tá de­ti­do. “Is­so foi fei­to por­que eles se­gui­ram re­pas­san­do pro­pi­na”, dis­se Agui­ar.

RO­DRI­GO ME­NE­ZES / FU­TU­RA PRESSS

Con­du­ção. Jor­ge Pic­ci­a­ni, pre­si­den­te da As­sem­bleia Le­gis­la­ti­va do Rio, che­ga à se­de da PF pa­ra de­por

JOSE LUCENA/FU­TU­RA PRESS

Con­du­ção. Jor­ge Pic­ci­a­ni, pre­si­den­te da As­sem­bleia Le­gis­la­ti­va do Rio de Ja­nei­ro, che­ga pa­ra de­por na se­de da Po­lí­cia Fe­de­ral

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.