A efi­ci­ên­cia pe­lo foco

Man­ter-se fo­ca­do é um desafio na era con­tem­po­râ­nea, e pa­ra sua produtividade não ser atin­gi­da pe­la fal­ta de con­cen­tra­ção, se­pa­ra­mos dicas que irão te au­xi­li­ar nes­se objetivo

Segredos da Mente - - Pílulas - TEX­TO AN­GE­LO MATILHA CHERUBINI/COLABORADOR E THI­A­GO KOGUCHI EN­TRE­VIS­TA AN­GE­LO MATILHA CHERUBINI DESIGN VANESSA SUEISHI

Em qual­quer ati­vi­da­de co­ti­di­a­na, o foco é im­pres­cin­dí­vel pa­ra uma re­a­li­za­ção efi­ci­en­te e sa­tis­fa­tó­ria. A produtividade é a ca­pa­ci­da­de de fa­zer mais em me­nos tem­po, e a aten­ção es­tá di­re­ta­men­te li­ga­da a es­sa fun­ção. Con­tu­do, não faltam em­pe­ci­lhos pa­ra nos ti­rar a con­cen­tra­ção nos mo­men­tos im­por­tan­tes. Se­ja a fal­ta de mo­ti­va­ção ou o flu­xo cons­tan­te de in­for­ma­ções pe­las re­des so­ci­ais, am­bos atra­pa­lham e com­pro­me­tem a produtividade.

Va­le res­sal­tar que a tec­no­lo­gia po­de, sim, ser uma ali­a­da da produtividade. Al­guns apli­ca­ti­vos aju­dam a or­ga­ni­zar a ro­ti­na e pou­par tem­po. É o ca­so do To­doist eo Wa­ve Ca­len­dar, que fun­ci­o­nam co­mo uma agen­da pa­ra es­tru­tu­rar su­as ta­re­fas e com­pro­mis­sos. Já o Poc­ket per­mi­te que vo­cê sal­ve tex­tos e vídeos pa­ra as­sis­tir de­pois, mes­mo sem co­ne­xão com a in­ter­net. Ou­tra fer­ra­men­ta in­te­res­san­te é o Tex­pand, que cria ata­lhos pa­ra palavras ou fra­ses, fa­ci­li­tan­do a es­cri­ta de tex­tos lon­gos.

Se­gun­do So­raia Schu­tel, CEO da So­na­ta Bra­sil, em­pre­sa de educação cor­po­ra­ti­va es­pe­ci­a­li­za­da em de­sen­vol­vi­men­to de li­de­ran­ças, o pro­ble­ma não es­tá na tec­no­lo­gia, mas no uso que da­mos a ela. Até mes­mo os apli­ca­ti­vos mais co­muns – co­mo o Uber – po­dem co­la­bo­rar com a efi­ci­ên­cia.

“An­tes de sair pa­ra uma reu­nião, pense no tem­po que irá gas­tar di­ri­gin­do até o lo­cal e pro­cu­ran­do um es­ta­ci­o­na­men­to. Se for de Uber, po­de­rá uti­li­zar o tra­je­to pa­ra res­pon­der e-mails, fa­zer li­ga­ções im­por­tan­tes ou efe­tu­ar pa­ga­men­tos de con­tas pe­lo apli­ca­ti­vo do ban­co. Apli­ca­ti­vos de companhias aé­re­as re­du­zem a per­da de tem­po nos ae­ro­por­tos com o check-in an­te­ci­pa­do”, ex­pli­ca So­raia.

O ide­al, co­lo­ca a es­pe­ci­a­lis­ta, é “de­fi­nir ho­rá­ri­os pa­ra ve­ri­fi­car sua ti­me­li­ne e res­pon­der men­sa­gens”, uma vez que o mai­or ris­co da tec­no­lo­gia é “a per­da de tem­po com as re­des so­ci­ais”.

Pa­ra aju­dar a sa­nar o pro­ble­ma, se­pa­ra­mos dicas que vão tra­zer luz às di­fi­cul­da­des e er­ros mais co­muns de quem quer ser efi­caz no tra­ba­lho, na es­co­la e nas ati­vi­da­des pra­ze­ro­sas da vi­da.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.