VI­DA PERFEITA?

Sport Life - - PARABÓLICA -

Ape­sar de per­fis que in­cen­ti­vam a vi­da sau­dá­vel ser­vi­rem co­mo uma mo­ti­va­ção, eles tam­bém po­dem cri­ar a im­pres­são de que é im­pos­sí­vel atin­gir tal me­ta: trei­nos diá­ri­os, ali­men­ta­ção sem­pre re­gra­da, cor­po per­fei­to e fe­li­ci­da­de. En­tre­tan­to, é im­por­tan­te lem­brar que o que co­lo­ca­mos nas redes é ape­nas uma se­le­ção de tu­do o que fa­ze­mos no co­ti­di­a­no. Ga­bri­e­la des­ta­ca que a par­te ruim não é pu­bli­ca­da, mas que ela exis­te pa­ra to­do mun­do. “Te­mos al­tos e bai­xos e no fi­nal de ju­nho eu es­ta­va es­tres­sa­da com tra­ba­lho e fa­cul­da­de. Es­tou no úl­ti­mo ano e, com a cor­re­ria do dia a dia, não quis ir pa­ra a aca­de­mia, es­ta­va can­sa­da. Es­ses mo­men­tos sem­pre vêm. Mas aí vo­cê per­ce­be o cor­po mu­dan­do, a dis­po­si­ção aca­ban­do, a re­sis­tên­cia bai­xan­do, e não po­de dei­xar es­se de­sâ­ni­mo du­rar. Qu­an­do is­so acon­te­ce, des­can­so uma se­ma­na e não pas­sa dis­so, por­que o que vo­cê ga­nhou vai em­bo­ra mui­to rá­pi­do”.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.