sau­da­de da BFF!

Se­rá que a dis­tân­cia aba­la uma ami­za­de de ver­da­de?

Todateen - - Dilema -

Mi­nha me­lhor ami­ga es­tá mo­ran­do em ou­tra ci­da­de e, des­de que ela se mu­dou, te­mos nos vis­to bem me­nos. Es­tá mais di­fí­cil de pas­sar­mos um tem­po jun­tas e ela es­tá tris­te co­mi­go, pois não con­si­go vi­si­tá-la. Mo­ra­mos em ci­da­des di­fe­ren­tes e tam­bém es­tou sen­tin­do es­sa dis­tân­cia, mas não a que­ro cha­te­a­da co­mi­go. O que eu fa­ço?”, Aman­da Cos­ta, 11 anos. É com­pli­ca­do vo­cês pas­sa­rem um tem­po jun­tas, pois am­bas de­pen­dem de seus pais pa­ra que o en­con­tro acon­te­ça e nem sem­pre eles têm con­di­ções de sa­tis­fa­zer o de­se­jo de vo­cês. Mui­tas ami­za­des con­ti­nu­am fir­mes e for­tes atra­vés dos mei­os vir­tu­ais. Se sua ami­ga in­sis­te em con­ti­nu­ar o con­ta­to pes­so­al co­mo era an­tes de­la se mudar, vai ser di­fí­cil con­ti­nu­ar es­sa ami­za­de, até por­que vo­cê vai se can­sar das re­cla­ma­ções, por ela não com­pre­en­der e nem acei­tar a sua si­tu­a­ção”, Ol­ga Inês Tes­sa­ri, psi­có­lo­ga e psi­co­te­ra­peu­ta.

Mo­rar lon­ge da me­lhor ami­ga é uma coi­sa bem cha­ta, mas acon­te­ce. Eu sei por­que tam­bém pas­so por is­so. Ten­te con­ver­sar com sua best e ex­pli­car que vi­si­tá-la não é tão fá­cil, por mais que vo­cê quei­ra tan­to quan­do ela. A sau­da­de dói, mas não é uma dis­tân­cia bo­ba que vai se­pa­rá­las. Vo­cê po­de ten­tar mar­car de vi­si­tá-la em al­gum fe­ri­a­do e fi­car um bom tem­po com a best sem fal­tar na es­co­la. Cha­ma­das de ví­deo tam­bém são uma saí­da pa­ra mas­ca­rar a sau­da­de. Boa sor­te!”, Oli­via Gra­ci­a­no Col­lins, clu­be Ga­ro­tas to­da­te­en. Pos­so até fa­lar por mim, eu aca­bo vi­a­jan­do mui­to e es­sa ro­ti­na ma­lu­ca me faz abrir mão de al­gu­mas coi­sas: fa­mí­lia e ami­gos. En­tão, é ne­ces­sá­rio sa­ber ad­mi­nis­trar o tem­po com is­so, se­não vo­cê aca­ba dei­xan­do de la­do coi­sas que são mui­to im­por­tan­tes na sua vi­da. O bom é que, ho­je em dia, tem tan­ta tec­no­lo­gia, que dá pa­ra fa­ci­li­tar o con­ta­to. Se a pes­soa é sua ami­ga de ver­da­de, ela vai com­pre­en­der seu la­do sem co­lo­car pres­são. Acho que é sa­ber li­dar com a si­tu­a­ção com ami­za­de, se ela for sua ami­ga de ver­da­de, vai en­ten­der e acei­tar”, Bru­no Mar­ti­ni, can­tor.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Brazil

© PressReader. All rights reserved.