QUAN­DO PRE­TEN­DE TRO­CAR UM AR­TI­GO COM­PRA­DO NOS SAL­DOS DE­VE ACEI­TAR UM VA­LE?

A Verdade - - PRIMEIRA PÁGINA -

UMA CONSUMIDORA QUE CON­TAC­TOU OS SER­VI­ÇOS DA DE­CO COM­PROU UMAS BO­TAS NOS SAL­DOS. USOU-AS APE­NAS DU­AS VE­ZES, TEN­DO AS SOLAS DESCOLADO, SEM MO­TI­VO APA­REN­TE. DI­RI­GIU-SE AO VEN­DE­DOR PA­RA EFE­TU­AR A RE­CLA­MA­ÇÃO E RE­SOL­VER A QUES­TÃO. ES­TE, POR NÃO POS­SUIR O SEU NÚ­ME­RO, PA­RA SUBS­TI­TUI­ÇÃO, OFE­RE­CEU-LHE UM VA­LE. SE­RÁ QUE A CONSUMIDORA DE­VE ACEI­TAR?

Os sal­dos con­sis­tem na ven­da de pro­du­tos, em fim de es­ta­ção, a um pre­ço in­fe­ri­or ao an­te­ri­or­men­te pra­ti­ca­do, pa­ra pro­mo­ver o es­co­a­men­to, por exem­plo, das co­le­ções, sen­do que o no­vo pre­ço e o an­te­ri­or­men­te pra­ti­ca­do ou a per­cen­ta­gem de re­du­ção de­vem es­tar exi­bi­dos de for­ma bem vi­sí­vel.

No ca­so de bens sem de­fei­to, o co­mer­ci­an­te po­de, pro­ce­der à tro­ca do bem ou ao re­em­bol­so do seu va­lor, me­di­an­te in­clu­si­ve, a emis­são de va­le, des­de que o es­ta­do de apre­sen­ta­ção do pro­du­to se man­te­nha in­tac­to e se­ja apre­sen­ta­do o ta­lão de com­pra com in­di­ca­ção da pos­si­bi­li­da­de de subs­ti­tui­ção. Tra­ta-se, no en­tan­to, de me­ra cor­te­sia co­mer­ci­al, ou se­ja, o co­mer­ci­an­te não é obri­ga­do a tro­car os ar­ti­gos ven­di­dos. A mai­or par­te dos co­mer­ci­an­tes fá-lo, pa­ra fi­de­li­zar e sa­tis­fa­zer os cli­en­tes.

O mes­mo não acon­te­ce se o pro­du­to pos­sui al­gum de­fei­to, co­mo pa­re­ce ser a si­tu­a­ção re­la­ta­da pe­la consumidora. Nes­te ca­so, o con­su­mi­dor tem di­rei­to à re­pa­ra­ção, subs­ti­tui­ção, re­du­ção do pre­ço do bem ou re­so­lu­ção con­tra­tu­al com re­em­bol­so do di­nhei­ro pa­go.

As­sim, se exis­te de­fei­to nas bo­tas, não sen­do pos­sí­vel a sua re­pa­ra­ção ou subs­ti­tui­ção, a consumidora tem di­rei­to à de­vo­lu­ção do pre­ço que pa­gou por elas, não es­tan­do, de mo­do al­gum, obri­ga­da a acei­tar o va­le.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.