Per­de voo e in­va­de a pis­ta

Correio da Manhã - Weekend - - Portugal - TIAGO GRIFF

Um ho­mem foi de­ti­do pe­la PSP no Ae­ro­por­to de Fa­ro, de­pois de ter in­va­di­do e ten­ta­do apa­nhar o avião na pla­ta­for­ma de es­ta­ci­o­na­men­to de ae­ro­na­ves da in­fra­es­tru­tu­ra, jun­to à pis­ta.

Ti­nha che­ga­do atra­sa­do ao voo com des­ti­no a Lon­dres, In­gla­ter­ra, que es­ta­va pres­tes a par­tir, e pas­sou por uma por­ta de emer­gên­cia. Foi de­te­ta­do por uma fun­ci­o­ná­ria, agar­ra­do pelo Ser­vi­ço de Es­tran­gei­ros e Fron­tei­ras (SEF) e le­va­do à es­qua­dra da Po­lí­cia. Foi apresentada quei­xa por par­te da ANA Ae­ro­por­tos de Por­tu­gal.

O caso acon­te­ceu pou­co de­pois das 10h40 de sex­ta-fei­ra. Se­gun­do o CM apu­rou jun­to de fon­te do Co­man­do Dis­tri­tal de Fa­ro da PSP, o ho­mem, por­tu­guês, de 40 anos, ti­nha aca­ba­do de per­der a pos­si­bi­li­da­de de em­bar­car no voo com des­ti­no ao ae­ro­por­to de Stans­ted, por se ter atra­sa­do.

PORMENORES

CASO Ho­mem che­gou atra­sa­do ao ae­ro­por­to APA­NHA­DO Vis­to a usar por­ta de emer­gên­cia ACA­BOU APA­NHA­DO PELO SEF E DE­TI­DO PE­LA PSP. FOI APRESENTADA QUEI­XA

No­vo ter­mi­nal

O atu­al ter­mi­nal do Ae­ro­por­to de Fa­ro foi com­ple­ta­men­te renovado, de­pois de as obras de re­mo­de­la­ção te­rem co­me­ça­do em 2015. Foi inau­gu­ra­do em me­a­dos de ju­lho do ano pas­sa­do pelo pri­mei­ro-mi­nis­tro, An­tó­nio Cos­ta. Tra­tou-se de um in­ves­ti­men­to de 32,8 mi­lhões de eu­ros.

Mais con­tro­lo

Es­ta ex­pan­são per­mi­tiu tri­pli­car a área do con­tro­lo de segurança e tam­bém di­vi­dir, das res­tan­tes, as áreas de con­tro­lo de fron­tei­ras dos pas­sa­gei­ros que per­ten­cem ao es­pa­ço Schen­gen.

Caso me­diá­ti­co

Um dos ca­sos mais me­diá­ti­cos de in­va­são de uma pis­ta acon­te­ceu em ja­nei­ro de 2017 no Ae­ro­por­to Hum­ber­to Del­ga­do, em Lisboa. Dois ci­da­dãos ar­ge­li­nos, ile­gais em Por­tu­gal, fu­gi­ram do au­to­car­ro que os trans­por­ta­va para o avião com des­ti­no à Ar­gé­lia. Tre­pa­ram a re­de e es­ca­pa­ram do ae­ro­por­to.

Com a por­ta de em­bar­que já fechada, de­ci­diu ten­tar a sorte e apa­nhar o avião ao ir di­re­ta­men­te para a pla­ta­for­ma de es­ta­ci­o­na­men­to de ae­ro­na­ves, usan­do uma das por­tas de emer­gên­cia com li­ga­ção à pis­ta, um lo­cal que é es­tri­ta­men­te ve­da­do ao pú­bli­co. Mas, ape­sar de ter ten­ta­do fa­zê-lo de forma dis­si­mu­la­da, foi de­te­ta­do ime­di­a­ta­men­te por uma das fun­ci­o­ná­ri­as da com­pa­nhia aé­rea, que cha­mou os agen­tes do SEF do ae­ro­por­to de Fa­ro. Foi apa­nha­do pou­co tem­po de­pois, sem ter con­se­gui­do se­quer che­gar ao avião.

“Foi le­va­do para a Di­vi­são de Segurança Ae­ro­por­tuá­ria da PSP de Fa­ro, on­de foi de­ti­do”, dis­se ain­da fon­te da PSP.

Uma vez que se tra­ta de um cri­me se­mi­pú­bli­co, um res­pon­sá­vel da empresa ANA-Ae­ro­por­tos de Por­tu­gal apre­sen­tou uma quei­xa na Po­lí­cia con­tra o in­di­ví­duo.n

Ho­mem che­gou à zo­na de es­ta­ci­o­na­men­to dos aviões após abrir por­ta

Pro­du­tos apre­en­di­dos pe­la ASAE

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.