Fal­ta de pes­so­al ge­ra ca­os na Saú­de

CAU­SA r Mé­di­cos acu­sam Governo de não ter pre­pa­ra­do a al­te­ra­ção de ho­rá­rio de 40 pa­ra 35 ho­ras CA­OS r Mais de três mil pes­so­as aguar­dam con­sul­ta de otor­ri­no­la­rin­go­lo­gia no Hos­pi­tal de Bra­ga

Correio da Manha - - Primeira Página - FRANCISCA GENÉSIO NO­TÍ­CIA EX­CLU­SI­VA DA EDI­ÇÃO EM PA­PEL

OS e rviç o Nac io nal de Saú­de (SNS) tem es­ta­do na or­dem do dia, com de­nún­ci­as de fal­ta de pes­so­al e de­gra­da­ção dos cui­da­dos as­so­ci­a­das à re­du­ção pa­ra 35 ho­ras se­ma­nais de tra­ba­lho. “As al­te­ra­ções fo­ram di­vul­ga­das há mais de um ano. Se há ru­tu­ras sig­ni­fi­ca que não fo­ram pre­pa­ra­das me­di­das efi­ca­zes con­tra a fal­ta de pes­so­al”, dis­se, ao CM, Fi­li­pe Fro­es, mé­di­co no SNS, su­bli­nhan­do que “a ca­rên­cia de pes­so­al é uma ques­tão es­tru­tu­ral”.

CHE­FES DE SER­VI­ÇO DEMITIRAM-SE ALE­GAN­DO FAL­TA DE CON­DI­ÇÕES

Após 16 che­fes de ser­vi­ço do Hos­pi­tal de São Jo­sé, em Lis­boa, te­rem pe­di­do a de­mis­são, ale­gan­do fal­ta de con­di­ções de se­gu­ran­ça na Ur­gên­cia, tam­bém os che­fes de equi­pa da Ma­ter­ni­da­de Al­fre­do da Cos­ta se­gui­ram o mesmo ca­mi­nho e vão re­cu­sar fa­zer ho­ras ex­tra. No Hos­pi­tal de Bra­ga o ce­ná­rio de ca­os é se­me­lhan­te: on­tem, o Blo­co de Es­quer­da de­nun­ci­ou atra­sos nas con­sul­tas de otor­ri­no­la­rin­go­lo­gia. Se­gun­do o si­te da uni­da­de hos­pi­ta­lar, a 30 de no­vem­bro de 2017 mais de três mil pes­so­as aguar­da­vam por con­sul­ta, sen­do o tem­po de es­pe­ra su­pe­ri­or a se­te me­ses. O mi­nis­tro da Saú­de, Adalberto Cam­pos Fer­nan­des, reu­niu on- tem com a ad­mi­nis­tra­ção do São Jo­sé. Se­gun­do fonte do Mi­nis­té­rio, “vai con­ti­nu­ar a ha­ver um tra­ba­lho con­jun­to”. O mi­nis­tro ga­ran­tiu ter con­tra­ta­do 1600 pro­fis­si­o­nais em maio. “O Mi­nis­té­rio tem de es­cla­re­cer pa­ra on­de é que fo­ram, por­que quem es­tá no ter­re­no ain­da não deu por eles”, cri­ti­cou Fi­li­pe Fro­es. En­tre­tan­to, o Governo in­je­tou 16,8 mi­lhões no Hos­pi­tal de Santarém, mas o sal­do ne­ga­ti­vo su­pe­ri­or a 50 mi­lhões im­pe­de o Tri­bu­nal de Con­tas de au­to­ri­zar con­tra­ta­ções.

Pro­fis­si­o­nais têm de­nun­ci­a­do, nos úl­ti­mos di­as, fal­ta de re­cur­sos hu­ma­nos e de con­di­ções de tra­ba­lho nas uni­da­des

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.