Fal­ta de vi­ta­mi­na D afec­ta mai­o­ria dos por­tu­gue­ses

Edição Público Lisboa - - SOCIEDADE -

Mais de 20% da po­pu­la­ção adulta por­tu­gue­sa apre­sen­ta ní­veis de vi­ta­mi­na D mui­to abai­xo do nor­mal, que cor­res­pon­dem a si­tu­a­ções de ris­co gra­ve de saú­de, de acor­do com um es­tu­do apre­sen­ta­do on­tem em Coim­bra. Se­gun­do a reu­ma­to­lo­gis­ta Cá­tia Duarte, “ape­nas 3,6% da po­pu­la­ção tem ní­veis con­si­de­ra­dos nor­mais, com ní­veis su­pe­ri­o­res”. O es­tu­do, re­a­li­za­do en­tre 2011 e 2013 pe­la Faculdade de Me­di­ci­na da Uni­ver­si­da­de de Coim­bra em co­la­bo­ra­ção com a No­va Me­di­cal Scho­ol, ob­te­ve amos­tras de 3092 in­di­ví­du­os .A inac­ti­vi­da­de fí­si­ca, a obe­si­da­de e o ta­ba­gis­mo são fac­to­res que con­tri­bu­em pa­ra uma mai­or ca­rên­cia de vi­ta­mi­na D.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.