EL­VI­RA AL

Jornal de Notícias - JN + Evasões - - CAPA -

Já lá vão 24 anos des­de a aber­tu­ra do res­tau­ran­te El­vi­ra e o ne­gó­cio tem cres­ci­do tão bem que há oi­to se mu­dou pa­ra uma ca­sa mai­or de am­bi­en­te con­tem­po­râ­neo e mui­to con­fo rtá­vel, com qua­tro sa­las e um jar­dim. Es­te can­ti­nho de se­re­ni­da­de na fre­gue­sia de Pal­mei­ra já fo­ra do re­bu­li­ço ci­ta­di­no bra­ca­ren­se nas­ceu da von­ta­de de El­vi­ra Sil­va, que de­pois de ter tra­ba­lha­do mais de uma dé­ca­da em res­tau­ra­ção quis ter o seu es­pa­ço. E ele é ho­je gran­de, am­plo, on­de de qua­se to­das as ja­ne­las se vê o rio Cá­va­do, que cor­re ali tão per­to, e aju­da a com­por o ce­ná­rio bo­ni­to e ver­de­jan­te que se tem du­ran­te as re­fei­ções, on­de bri­lham as su­ges­tões de co­mi­da tra­di­ci­o­nal por­tu­gue­sa.

Ar­roz de gre­los com fi­le­tes de pol­vo, ar­roz de ro­ba­lo com gam­bas, ba­ca­lhau à D. El­vi­ra, ba­ca­lhau à Bra­ga e as car­nes gre­lha­das,

en­tre elas o lom­bo de boi, são al­guns dos pra­tos que atra­em empresários, ca­sais de na­mo­ra­dos e mui­tas fa­mí­li­as, so­bre­tu­do ao do­min­go, vin­das de ou­tras ci­da­des. São re­cei­tas de fa­mí­lia e fei­tas pe­la fa­mí­lia – são as ir­mãs de El­vi­ra, Gló­ria e Otí­lia, que co­zi­nham, e os ir­mãos e uma so­bri­nha qu­em as le­va às me­sas.

Uma das cri­a­ções mais ori­gi­nais do cardápio é a na­ta de chi­la, da au­to­ria de Otí­lia, mas ou­tras, co­mo as ra­ba­na­das, o che­e­se­ca­ke de mo­ran­go e o pu­dim aba­de de Pris­cos, tam­bém me­re­cem con­si­de­ra­ção. De­pois do sa­bo­ro­so re­pas­to, o jar­dim cha­ma pa­ra um pas­seio.

Rua das Aze­nhas, 17 (Rua da Mar­gi­nal – Adaú­fe). Tel.: 253628938. Web: fa­ce­bo­ok.com/el­vi­ra­res­tau­ran­te. Das 12h15 às 15h00 e das 19h30 às 22h30. Pre­ço mé­dio: 27 eu­ros

O El­vi­ra abriu há 24 anos e man­tém-se co­mo um can­ti­nho de se­re­ni­da­de no meio ru­ral.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.