Co­me­çou a pri­mei­ra vol­ta pa­ra a es­co­lha da pa­la­vra do ano

Lín­gua. A Por­to Edi­to­ra ini­ci­ou a pri­mei­ra vol­ta pa­ra a es­co­lha d’ “A pa­la­vra do ano”. Em www.pa­la­vra­do­a­no.pt po­de dei­xar a sua su­ges­tão pa­ra uma lis­ta de dez fi­na­lis­tas.

Metro Portugal (Lisbon) - - PRIMEIRA PÁGINA - LUSA

“Atra­vés des­te si­te, ca­da pes­soa po­de pro­por aque­la que lhe pa­re­ce po­der vir a ser a pa­la­vra do ano de 2015”, ex­pli­cou à agência Lusa fon­te da Por­to Edi­to­ra, que des­de 2009 or­ga­ni­za es­te con­cur­so. “Es­ta pri­mei­ra fa­se de aus­cul­ta­ção pú­bli­ca du­ra­rá até ao fim de no­vem­bro, de­pois, nos pri­mei­ros di­as de de­zem­bro, se­rá anun­ci­a­da a lis­ta das dez pa­la­vras can­di­da­tas à Pa­la­vra do Ano 2015, abrin­do-se a vo­ta­ção no si­te até fi­nal do ano”, ex­pli­cou a mes­ma fon­te, cla­ri­fi­can­do que “as su­ges­tões re­ce­bi­das são cru­za­das com uma lis­ta alar­ga­da que as­si­na­la­mos ao lon­go do ano, e é des­te cru­za­men­to que sai­rão as dez pa­la­vras fi­na­lis­tas”. O anún­cio da pa­la­vra elei­ta se­rá fei­to “nos pri­mei­ros di­as de 2016”.

“Em 2009 foi ‘Es­miu­çar’ a pa­la­vra que ga­nhou no­to­ri­e­da­de no âm­bi­to de uma ru­bri­ca te­le­vi­si­va dos co­me­di­an­tes Ga­to Fe­do­ren­to”, re­cor­dou a mes­ma fon­te. Se­guiu-se, em 2010, “Vu­vu­ze­la”, pa­la­vra es­co­lhi­da, “mui­to pro­va­vel­men­te, por es­te ob­je­to ter si­do lar­ga­men­te me­di­a­ti­za­do du­ran­te o Mun­di­al de Fu- te­bol dis­pu­ta­do na­que­le ano, na Áfri­ca do Sul”. Em 2011 foi “Aus­te­ri­da­de” a pa­la­vra es­co­lhi­da pe­lo pú­bli­co; e em 2012, foi “En­troi­ka­do”, “um ne­o­lo­gis­mo que re­fle­tia bem o es­ta­do de es­pí­ri­to da ge­ne­ra­li­da­de dos por­tu­gue­ses”. Em 2013, a es­co­lha re­caiu so­bre “Bom­bei­ro”, “uma ho­me­na­gem fei­ta pe­los por­tu­gue­ses, num ano que fi­cou tris­te­men­te mar­ca­do pe­la per­da de mui­tas vi­das no com­ba­te aos in­cên­di­os que se ve­ri­fi­ca­ram no ve­rão”.

No ano pas­sa­do, a pa­la­vra es­co­lhi­da foi “Cor­rup­ção”, “tan­tos fo­ram os ca­sos de sus­pei­ta de cor­rup­ção co­nhe­ci­dos ao lon­go do ano, em di­fe­ren­tes se­to­res da so­ci­e­da­de, en­vol­ven­do en­ti­da­des e per­so­na­li­da­des pú­bli­cas”.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.