Na­ve­gar sem In­ter­net

Tec­no­lo­gia. A Go­o­gle fez um “up­gar­de” à sua apli­ca­ção Maps pa­ra An­droid de for­ma a que es­ta pos­sa in­di­car di­re­ções mes­mo quan­do não exis­te uma li­ga­ção à In­ter­net.

Metro Portugal (Lisbon) - - PRIMEIRA PÁGINA -

“Up­gra­de” do Go­o­gle Maps per­mi­te ob­ter di­re­ções mes­mo of­fli­ne

O no­vo soft­ware tam­bém per­mi­te que os apa­re­lhos, co­mo por exem­plo smartpho­nes ou ta­blets, re­ve­lem a lo­ca­li­za­ção dos di­ver­sos ser­vi­ços, as su­as ho­ras de fun­ci­o­na­men­to e nú­me­ros de te­le­fo­ne quan­do es­tão of­fli­ne.

De acor­do com a Go­o­gle, as pes­so­as que be­ne­fi­ci­a­rão mais des­ta no­va fun­ci­o­na­li­da­de são os tu­ris­tas que es­tão a vi­si­tar lo­cais fo­ra do âm­bi­to das su­as subs­cri­ções de ta­ri­fá­rio e as pes­so­as dos mer­ca­dos emer­gen­tes, on­de os da­dos são mais ca­ros.

De acor­do com um es­pe­ci­a­lis­ta, ci­ta­do pe­la BBC, es­ta ino­va­ção po­de­rá ser pro­ble­má­ti­ca pa­ra os apa­re­lhos com me­nos ca­pa­ci­da­de. “Os smartpho­nes de ga­ma mais bai­xa ape­nas têm qua­tro gi­gaby­tes de me­mó­ria, um re­cur­so pre­ci­o­so”, dis­se Ben Wo­od da CCS In­sight.

A Go­o­gle re­ve­lou que fa­zer o down­lo­ad de um ma­pa de Lon­dres ocu­pa 380 me­gaby­tes. A em­pre­sa ten­ci­o­na ain­da uma atu­a­li­za­ção se­me­lhan­te pa­ra os dis­po­si­ti­vos com iOS, mas sem con­fir­mar se ain­da até ao fi­nal do ano.

No en­tan­to, a ver­são of­fli­ne tem al­gu­mas li­mi­ta­ções. As crí­ti­cas a restaurantes ou ou­tros lo­cais não são mos­tra­das e ape­sar de ha­ver di­re­ções de trân­si­to de car­ro, não há pa­ra an­dar a pé ou de trans­por­tes pú­bli­cos.

JOÃO FERRÃO

A Go­o­gle Maps é a lí­der de mer­ca­do nos ma­pas on­li­ne e os es­pe­ci­a­lis­tas di­zem que com es­ta apli­ca­ção vai ci­men­tá-la.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.