Ale­luia! Ale­luia!

Metro Portugal (Lisbon) - - LAZER -

Após cin­quen­ta ne­bu­lo­sos di­as e cin­quen­ta lon­gas noi­tes de es­pe­ra, o ve­lho e frio Scro­o­ge de Be­lém acor­dou da pro­fun­da hi­ber­na­ção em que caí­ra, após os fa­ri­seus do seu gru­po te­rem pro­fe­ti­za­do a apo­ca­lip­se lá pa­ra os la­dos de São Ben­to e do Ter­rei­ro do Pa­ço. E – de­pois de ter ou­vi­do quem quis ou­vir, nu­ma len­ga­len­ga de vi­ra o dis­co e to­ca a mes­ma ves­ga e es­ta­fa­da sin­fo­nia –, lá in­di­cou An­tó­nio Cos­ta do PS de Es­quer­da, o qual irá for­mar go­ver­no sem mais de­lon­gas, aco­li­ta­do pe­la Es­quer­da Ra­di­cal, co­mo pro­fe­riu com des­pei­to o mau ca­va­lhei­ro Mar­co An­tó­nio Cos­ta, apo­da­do de al­pi­nis­ta pe­los seus da sua co­lo­ri­da igua­lha. Va­lha-nos Deus, ou quem quer que se­ja, que des­ta já nós nos li­vra­mos. Que No­vem­bro ou Abril – se ca­lhar a 25 – se­jam sem­pre mar­cos his­tó­ri­cos ain­da que es­te­jam por cum­prir, mas, co­mo diz o po­e­ta, o mun­do é fei­to de mu­dan­ça. Viva Por­tu­gal! Pois, pa­re­ce que já pas­sou o vendaval!

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.