Cres­ci­men­to re­vis­to em bai­xa

Con­jun­tu­ra. O FMI re­viu em bai­xa as pre­vi­sões pa­ra o cres­ci­men­to global, an­te­ci­pan­do que o mun­do cres­ça 3,4% es­te ano.

Metro Portugal (Lisbon) - - ECONOMIA -

No pró­xi­mo ano, a eco­no­mia de­ve­rá cres­cer 3,6%. Na atu­a­li­za­ção ao World Eco­no­mic Ou­tlo­ok, on­tem di­vul­ga­da, o FMI jus­ti­fi­ca es­ta re­vi­são em bai­xa do cres­ci­men­to mun­di­al de du­as dé­ci­mas tan­to em 2016 co­mo em 2017 so­bre­tu­do com o de­sem­pe­nho eco­nó­mi­co dos mer­ca­dos emer­gen­tes e das eco­no­mi­as em de­sen­vol­vi­men­to.

O FMI pi­o­rou tam­bém as pro­je­ções pa­ra as eco­no­mi­as de­sen­vol­vi­das, que de­ve­rão cres­cer 2,1% tan­to em 2016 co­mo em 2017, ou se­ja, me­nos 0,1 pon­tos per­cen­tu­ais do que o es­ti­ma­do em ou­tu­bro. A Zo­na Eu­ro de­ve­rá cres­cer no to­tal 1,7% es­te ano e no pró­xi­mo, o que se tra­duz nu­ma me­lho­ria li­gei­ra de 0,1 pon­tos per­cen­tu­ais em 2016 e uma ma­nu­ten­ção da pro­je­ção pa­ra 2017.

REU­TERS

A ins­ti­tui­ção li­de­ra­da por Ch­ris­ti­ne La­gar­de in­di­ca que o de­sem­pe­nho eco­nó­mi­co se­rá im­pul­si­o­na­do pe­la fren­te orçamental.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.