CNE. Pa­la­vras de Por­tas su­ge­rem vo­to num dos can­di­da­tos

Metro Portugal (Lisbon) - - FOCUS -

A Co­mis­são Na­ci­o­nal de Elei­ções (CNE) en­ten­de que a co­mu­ni­ca­ção so­ci­al de­ve ces­sar a trans­mis­são da par­te fi­nal das afir­ma­ções de Pau­lo Por­tas por­que es­tas po­dem ser en­ten­di­das co­mo “de­cla­ra­ção de apoio” a um dos can­di­da­tos à Pre­si­dên­cia da Re­pú­bli­ca.

Em cau­sa es­tão as de­cla­ra­ções do lí­der do CDS-PP após vo­tar em Ca­xi­as, ten­do afir­ma­do aos jor­na- lis­tas que “se hou­ver uma boa par­ti­ci­pa­ção, o as­sun­to po­de fi­car re­sol­vi­do à pri­mei­ra vol­ta” e ain­da que ele é “da­que­les que acha que o que se po­de re­sol­ver à pri­mei­ra vol­ta, não se de­ve dei­xar pa­ra uma se­gun­da”.

A CNE con­si­de­rou ain­da que a co­ber­tu­ra que a RTP re­a­li­zou à vo­ta­ção do can­di­da­to Mar­ce­lo Re­be­lo de Sou­sa te­ve uma “du­ra­ção des­me­su­ra­da” em re­la­ção às ou­tras can­di­da­tu­ras. O por­ta-voz da CNE, João Al­mei­da, dis­se à agên­cia Lu­sa que es­te ór­gão emi­tiu já uma de­li­be­ra­ção no sen­ti­do de ex­pres­sar a pre­o­cu­pa­ção com o tem­po que a RTP dis­pen­sou na co­ber­tu­ra do can­di­da­to re­co­men­da­do por PSD e CDS-PP.

As pre­o­cu­pa­ções da CNE es­ten­dem-se ain­da a “al­guns co­men­tá­ri­os” que fo­ram pro­fe­ri­dos ao lon­go da pro­gra­ma­ção que se se­guiu à vo­ta­ção de Mar­ce­lo Re­be­lo de Sou­sa. Nos pró­xi­mos di­as a CNE vol­ta­rá a pro­nun­ci­ar-se so­bre es­te ca­so.

LU­SA

O pri­mei­ro-mi­nis­tro, An­tó­nio Cos­ta, fe­li­ci­tou Mar­ce­lo pe­la sua elei­ção, a quem pro­me­teu “má­xi­ma le­al­da­de e ple­na co­o­pe­ra­ção ins­ti­tu­ci­o­nal”.

LU­SA LU­SA

Se­gun­do fon­te ofi­ci­al de Be­lém, Ca­va­co te­le­fo­nou a Mar­ce­lo e de­se­jou-lhe “os mai­o­res su­ces­sos no exer­cí­cio de fun­ções de gran­de exi­gên­cia e im­por­tân­cia pa­ra o fu­tu­ro de Por­tu­gal”.

LU­SA

Ao co­men­tar a pi­or pres­ta­ção de sem­pre de um can­di­da­to do PCP (Ed­gar Sil­va), o se­cre­tá­rio- ge­ral Je­ró­ni­mo de Sou­sa afir­mou que “as vi­tó­ri­as não des­can­sam” nem as der­ro­tas de­sa­ni­mam.

O lí­der do PSD e ex-che­fe do Go­ver­no, Pas­sos Co­e­lho, fe­li­ci­ta Mar­ce­lo por re­sul­ta­do que lhe dá uma “au­to­ri­da­de inequí­vo­ca”.

INÁ­CIO RO­SA/LU­SA

Pau­lo Por­tas vo­tou em Ca­xi­as por vol­ta das 10h30 e no fi­nal dis­se es­pe­rar “uma boa par­ti­ci­pa­ção elei­to­ral”.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.