FIFA as­su­me com­pra de vo­tos

Fu­te­bol. O co­mi­té exe­cu­ti­vo da FIFA ven­deu vo­tos pa­ra a atri­bui­ção dos Mundiais 1998 e 2010, as­su­miu o or­ga­nis­mo.

Metro Portugal (Lisbon) - - SPOR T -

A assunção, iné­di­ta, por par­te da en­ti­da­de, foi fei­ta num do­cu­men­to en­tre­gue à jus­ti­ça nor­te-ame­ri­ca­na, no âm­bi­to das in­ves­ti­ga­ções ao vas­to es­cân­da­lo de cor­rup­ção que a as­so­la há qua­se um ano. Sur­ge tam­bém nu­ma al­tu­ra em que a FIFA já é li­de­ra­da pe­lo suí­ço Gi­an­ni In­fan­ti­no.

No tex­to, o subs­ti­tu­to de Sepp Blat­ter dá a FIFA não co­mo cul­pa­da, mas “ví­ti­ma” de cor­rup­ção por 38 co­la­bo­ra­do­res e du­as em­pre­sas. In­fan­ti­no pre­ten­de re­cu­pe­rar mi­lhões de dó­la­res em in­dem­ni­za­ção – di­nhei­ro que, lê-se no tex­to, “per­ten­ce ao fu­te­bol mun­di­al”.

O ca­so mais gra­ve ocor­reu no Mun­di­al 2010, com a Fe­de­ra­ção

REU­TERS

“No­va” FIFA de In­fan­ti­no diz- se ví­ti­ma de cor­rup­ção e deu iní­cio a uma ba­ta­lha le­gal pa­ra re­cu­pe­rar mi­lhões de eu­ros.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.