Au­to­mó­veis sem con­du­tor

Es­tu­do. A mai­o­ria dos au­to­mo­bi­lis­tas por­tu­gue­ses es­pe­ra po­der usar uma vi­a­tu­ra to­tal­men­te au­tó­no­ma da­qui a 7 anos.

Metro Portugal (Lisbon) - - NACIONAL -

A ní­vel mun­di­al, 81% dos in­qui­ri­dos num es­tu­do do Ob­ser­va­dor Ce­te­lem es­ti­mam po­der dei­xar o vo­lan­te an­tes de 2026. E mais 52% acre­di­tam po­der fa­zê-lo já da­qui a cin­co anos – no ca­so con­cre­to dos por­tu­gue­ses, a ge­ne­ra­li­da­de dos in­qui­ri­dos apon­tou a da­ta de 2023.

Em Por­tu­gal, 31% acham que o car­ro dei­xa­rá de pre­ci­sar de um con­du­tor en­tre cin­co e dez anos – ou­tros 31% res­pon­de­ram “da­qui a mais de uma dé­ca­da”. No en­tan­to, uma per­cen­ta­gem con­si­de­rá­vel (23%) es­pe­ra po­der usar a vi­a­tu­ra to­tal­men­te au­tó­no­ma den­tro de três a cin­co anos e 15% acre­di­tam mes­mo que is­so acon­te­ce­rá da­qui a um ou dois anos.

REU­TERS

15% dos in­qui­ri­dos acre­di­tam mes­mo que da­qui a um ou dois anos já te­re­mos car­ros au­tó­no­mos co­mo es­te, da Go­o­gle.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.