Hil­lary Clin­ton se­rá a pri­mei­ra mu­lher can­di­da­ta a pre­si­den­te

EUA. Ex-pri­mei­ra-da­ma se­rá a can­di­da­ta do Par­ti­do De­mo­cra­ta à pre­si­den­cia nor­te-ame­ri­ca­na. É a pri­mei­ra vez que uma mu­lher es­tá nes­ta po­si­ção. Ba­rack Oba­ma es­tá sa­tis­fei­to.

Metro Portugal (Lisbon) - - PRIMEIRA PÁGINA -

Ex-pri­mei­ra da­ma e an­ti­ga se­cre­tá­ria de Es­ta­do ven­ceu vá­ri­as pri­má­ri­as e ga­ran­tiu os de­le­ga­dos ne­ces­sá­ri­os pa­ra dis­pu­tar o lu­gar na Ca­sa Bran­ca pe­lo par­ti­do de­mo­cra­ta

“Gra­ças a vo­cês, al­can­çá­mos um mar­co. Pe­la pri­mei­ra vez na His­tó­ria do nos­so país uma mu­lher é in­di­ca­da por um dos gran­des par­ti­dos”, en­fa­ti­zou Hil­lary num dis­cur­so em Bro­o­klyn, No­va Ior­que, pros­se­guin­do: “Es­ta vi­tó­ria não é so­bre uma pes­soa. Per­ten­ce a ge­ra­ções de mu­lhe­res e ho­mens que lu­ta­ram e se sa­cri­fi­ca­ram e fi­ze­ram es­te mo­men­to pos­sí­vel.”

Hil­lary Clin­ton, 68 anos, não re­ga­te­ou elo­gi­os ao seu ri­val na dis­pu­ta in­ter­na de­mo­cra­ta e aplau­diu Ber­nie San­ders pe­la “sua ex­tra­or­di­ná­ria cam­pa­nha”, ape­sar de o se­na­dor afi­an­çar que não vai en­tre­gar os pon­tos (ver cai­xa).

Ba­rack Oba­ma, que se man­te­ve um pou­co à mar­gem das pri­má­ri­as de­mo­cra­tas, fe­li­ci­tou Hil­lary e San­ders pe­las “cam­pa­nhas ins­pi­ra­do­ras que en­che­ram de ener­gia os de­mo­cra­tas”, se­gun­do co­mu­ni­ca­do da Ca­sa Bran­ca. Mas o pre­si­den­te dos EUA es­tá cla­ra­men­te com Clin­ton e elo­gi­ou-a por “ga­ran­tir os de­le­ga­dos ne­ces­sá­ri­os pa­ra ser a can­di­da­ta do Par­ti­do De­mo­cra­ta”.

Hil­lary ga­nhou on­tem as pri­má­ri­as na Ca­li­fór­nia, o es­ta­do mais po­pu­lo­so nos EUA. Ho­ras an­tes ti­nha ga­ran­ti­do a vi­tó­ria nos es­ta­dos de No­va Jér­sia, Novo Mé­xi­co e Da­ko­ta do Sul. Já San­ders ven­ceu no Mon­ta­na e no Da­ko­ta do Nor­te.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.