Bra­sil. Edu­ar­do Cu­nha per­to da que­da po­lí­ti­ca

Metro Portugal (Lisbon) - - MUNDO -

Ti­do co­mo um dos men­to­res do ba­da­la­do “im­pe­a­ch­ment” con­tra Dil­ma Rous­seff, o pre­si­den­te da Câ­ma­ra dos De­pu­ta­dos, Edu­ar­do Cu­nha, viu on­tem a Co­mis­são de Éti­ca do con­gres­so bra­si­lei­ro apro­var a sua des­ti­tui­ção. Re­a­li­za­da após in­ten­sa dis­cus­são, a vo­ta­ção, com 11 vo­tos a fa­vor e no­ve con­tra, sur­ge no âm­bi­to de um re­la­tó­rio com pro­vas de que o po­lí­ti­co do PMDB men­tiu e escondeu con­tas ban­cá­ri­as na Suí­ça.

Se­gun­do o Mi­nis­té­rio Pú­bli­co, es­sas con­tas fo­ram ali­men­ta­das com di­nhei­ro des­vi­a­do do es­que­ma de cor­rup­ção na Petrobras.

Fi­gu­ra pro­e­mi­nen­te do par­ti­do do pre­si­den­te in­te­ri­no Mi­chel Te­mer, Edu­ar­do Cu­nha es­tá com fun­ções sus­pen­sas des­de maio. De­pois da de­ci­são do con­gres­so, se­gue-se uma vo­ta­ção no ple­ná­rio da Câ­ma­ra dos De­pu­ta­dos; aí, sim, ha­ve­rá a cer­te­za se Cu­nha se­rá ou não de­fi­ni­ti­va­men­te afas­ta­do do car­go.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.