Acor­do pa­ra o des­por­to

Te­le­vi­são. NOS acor­da com Vo­da­fo­ne e Ca­bo­vi­são a “dis­po­ni­bi­li­za­ção re­cí­pro­ca” de di­rei­tos de trans­mis­são re­la­ti­vos a even­tos des­por­ti­vos e de canais de des­por­to, com os cus­tos par­ti­lha­dos.

Metro Portugal (Lisbon) - - PRIMEIRA PÁGINA - LU­SA

NOS, Vo­da­fo­ne e Ca­bo­vi­são com “dis­po­ni­bi­li­za­ção re­cí­pro­ca”

Em co­mu­ni­ca­do enviado à CMVM – Co­mis­são do Mer­ca­do de Va­lo­res Mo­bi­liá­ri­os, a NOS in­di­ca que o acor­do pre­vê a “dis­po­ni­bi­li­za­ção re­cí­pro­ca de di­rei­tos de trans­mis­são re­la­ti­vos a even­tos des­por­ti­vos, bem co­mo de di­rei­tos de trans­mis­são e dis­tri­bui­ção de canais de des­por­to e canais de clu­bes, cu­jos di­rei­tos de trans­mis­são se­jam atu­al­men­te de­ti­dos ou ve­nham a ser ad­qui­ri­dos pe­las par­tes”. Com o acor­do, fi­ca sal­va­guar­da­da igual­men­te a “com­par­ti­ci­pa­ção dos cus­tos (atu­ais e fu­tu­ros) as­so­ci­a­dos a es­tes con­teú­dos des­por­ti­vos”.

Em co­mu­ni­ca­do, a Vo­da­fo­ne re­fe­re que com o acor­do as­si­na­do en­tre os três ope­ra­do­res, os cli­en­tes da Ca­bo­vi­são, NOS e Vo­da­fo­ne ga­ran­tem o aces­so aos con­teú­dos des­por­ti­vos já ad­qui­ri­dos ou que ve­nham a ser ad­qui­ri­dos no fu­tu­ro, por qual­quer uma das par­tes no acor­do, o que com­pre­en­de já a par­tir da épo­ca des­por­ti­va 2016/17, o aces­so ao ca­nal do Ben­fi­ca e aos jo­gos do Ben­fi­ca em ca­sa.

“Sem­pre de­fen­de­mos a uni­ver­sa­li­da­de no aces­so aos con­teú­dos des­por­ti­vos, em prol da de­fe­sa dos in­te­res­ses dos con­su­mi­do­res. A ex­ten­são des­ta par­ce­ria à Ca­bo­vi­são é mais um pas­so pa­ra es­se ob­je­ti­vo”, afir­ma o pre­si­den­te exe­cu­ti­vo da Vo­da­fo­ne Por­tu­gal, Má­rio Vaz.

© PE­DRO ELI­AS

Má­rio Vaz sus­ten­ta que Vo­da­fo­ne sem­pre de­fen­deu a a uni­ver­sa­li­da­de no aces­so aos con­teú­dos des­por­ti­vos.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.