Cer­ca de 40% que­rem pou­par

Férias. Vi­a­jar em com­pa­nhi­as low cost e fi­car em ca­sa de fa­mi­li­a­res e ami­gos são as for­mas de pou­pan­ça mais es­co­lhi­das pe­los por­tu­gue­ses, re­ve­la um es­tu­do do Ce­te­lem.

Metro Portugal (Lisbon) - - JORNAL - RAQUEL MA­DU­REI­RA

Es­te ano, 37% dos por­tu­gue­ses que pas­sam férias fo­ra do lo­cal de re­si­dên­cia pla­nei­am pou­par.

Os que mais ten­ci­o­nam pou­par são os que fa­zem férias no es­tran­gei­ro (56%). Mais de me­ta­de des­tes diz que a me­lhor forma de o fa­zer é op­tar por vo­os low cost. Re­ser­var on­li­ne e pri­vi­le­gi­ar pa­co­tes com tu­do in­cluí­do são tam­bém es­tra­té­gi­as de qu­em faz férias fo­ra de Por­tu­gal.

Já a mai­o­ria dos que pas­sam férias no País op­ta por não pou­par (55%), com ape­nas 33% a re­fe­ri­rem uma in­ten­ção de li­mi­tar os gas­tos.

No ca­so dos por­tu­gue­ses que vão pa­ra fo­ra, os ho­téis são a op­ção fa­vo­ri­ta pa­ra 62%. A ca­sa de fa­mi­li­a­res e ami­gos e os hos­tels são a se­gun­da op­ção pa­ra 13% dos con­su­mi­do­res, em am­bos os ca­sos. A du­ra­ção mé­dia das vi­a­gens de férias é de 1,8 se­ma­nas, em­bo­ra a mai­o­ria (43%) du­re uma se­ma­na e 34% se pro­lon­guem por du­as.

“É in­te­res­san­te ve­ri­fi­car co­mo as for­mas de pou­pan­ça dos por­tu­gue­ses se adap­tam ao seu des­ti­no de férias” Diogo Lo­pes Pe­rei­ra Di­re­tor de mar­ke­ting do Ce­te­lem

DR

Pa­ra 53% dos con­su­mi­do­res que pas­sam férias em Por­tu­gal, a me­lhor forma de pou­par é no tipo de alo­ja­men­to. En­cur­tar a es­ta­da é ou­tra es­tra­té­gia de pou­pan­ça pa­ra 21% dos por­tu­gue­ses.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.