Con­ti­nu­a­rá o Ben­fi­ca do­no dis­to tu­do?

Rio Ave e FC Porto abrem ho­je a Li­ga 2016/2017, em Vi­la do Con­de. Ama­nhã à tar­de es­treia-se o Spor­ting (Ma­rí­ti­mo; ca­sa) e à noi­te o tri­cam­peão Ben­fi­ca (Ton­de­la; fo­ra).

Metro Portugal (Lisbon) - - NEWS - RUI ALEXANDRE CO­E­LHO

Três me­ses de­pois do fim da úl­ti­ma Li­ga, que re­sul­tou na en­tre­ga do 35.º tí­tu­lo de cam­peão ao Ben­fi­ca, a fe­bre do Cam­pe­o­na­to es­tá de vol­ta.

As águi­as já apon­ta­ram o bi­co ao “36”; a acon­te­cer, tal im­pli­ca­ria um “te­tra” iné­di­to no clu­be – ape­sar de ser do­mi­na­dor no his­to­ri­al da pro­va, com 35 tí­tu­los, con­tra 27 do FC Porto e 18 do Spor­ting, o Ben­fi­ca nun­ca so­mou qua­tro cam­pe­o­na­tos em sé­rie, ao in­vés do Spor­ting e do FC Porto, que até já foi “pen­ta”.

De fes­ta em fes­ta, o Ben­fi­ca che­ga­rá a Ton­de­la em­ba­la­do pe­lo triun­fo na Su­per­ta­ça. Ter ul­tra­pas­sa­do o Sp. Bra­ga, e da ma­nei­ra que o fez, por ex­pres­si­vos 3-0, in­di­ca que a equi­pa de Rui Vi­tó­ria já es­tá “no pon­to” pa­ra o ar­ran­que do Cam­pe­o­na­to.

Do Spor­ting es­pe­ra-se a con­fir­ma­ção, ou não, de um cres­ci­men­to sus­ten­ta­do ao lon­go das úl­ti­mas três tem­po­ra­das, res­pe­ti­va­men­te com os téc­ni­cos Le­o­nar­do Jar­dim, Mar­co Sil­va e Jor­ge Je­sus. Na época pas­sa­da os leões já con­se­gui­ram dis­pu­tar o tí­tu­lo com o Ben­fi­ca até ao úl­ti­mo mo­men­to. Mas se a se­ca de tro­féus tem si­do sa­ci­a­da a con­ta-go­tas, a de tí­tu­los de cam­peão con­ti­nua a cres­cer: já vai em 14 anos. Con­se­gui­rá Jor­ge Je­sus fa­zer do Spor­ting cam­peão, no seu se­gun­do ano em Al­va­la­de? Os de­sem­pe­nhos na pré-tem­po­ra­da fo­ram mui­to po­bres, mas é a par­tir de ama­nhã que se po­de co­me­çar a ava­li­ar o Spor­ting 2016/2017.

No Dra­gão há um re­no­va­do es­pí­ri­to de con­fi­an­ça, cul­pa de Nu­no. O no­vo trei­na­dor do FC Porto foi con­tra­ta­do pa­ra re­con­du­zir o em­ble­ma da In­vic­ta ao tí­tu­lo de cam­peão, que lhe fo­ge há três tem­po­ra­das. A seu fa­vor, pa­ra já, os azuis e bran­cos têm as bo­as in­di­ca­ções dei­xa­das na pré-época: dos três gran­des, fo­ram a equi­pa mais fiá­vel, com cin­co vi­tó­ri­as, dois em­pa-

tes e ape­nas uma der­ro­ta. Cu­ri­o­si­da­de: um dos oi­to jo­gos-trei­no que a equi­pa de Nu­no Es­pí­ri­to San­to re­a­li­zou foi pre­ci­sa­men­te con­tra o ad­ver­sá­rio des­ta noi­te, o Rio Ave, e o re­sul­ta­do foi um em­pa­te (1-1).

Quar­to clas­si­fi­ca­do nas du­as úl­ti­mas tem­po­ra­das, o Sp. Bra­ga ten­ta­rá uma mai­or apro­xi­ma­ção aos três gran­des, is­to de­pois de ter fi­ca­do a 18 pon­tos do ter­cei­ro clas­si­fi­ca­do, em 2014/2015, e a 15, em 2015/2016.

De no­vo com Jo­sé Pe­sei­ro ao le­me, a for­ma­ção ar­se­na­lis­ta co­me­çou a tem­po­ra­da da pi­or for­ma, com a der­ro­ta na Su­per­ta­ça, e é bom que se re­en­con­tre ra­pi­da­men­te: é que o sor­teio di­tou uma cur­ta mas sem­pre es­cal­dan­te vi­a­gem a Gui­ma­rães lo­go na pri­mei­ra jor­na­da, mar­ca­da pa­ra do­min­go.

“Cam­peão” da pré-época, só com vi­tó­ri­as, e apu­ra­do pa­ra o play-off da Li­ga Eu­ro­pa, o Arou­ca de Li­to Vi­di­gal, quin­to clas­si­fi­ca­do em 2015/2016, vai co­me­çar no Bes­sa o seu tra­je­to na Li­ga. Re­al­ce ain­da pa­ra os dois no­va­tos da pro­va: o Des­por­ti­vo de Cha­ves cum­pre o seu re­gres­so à eli­te do fu­te­bol na­ci­o­nal no re­du­to do Na­ci­o­nal, do­min­go; já o Fei­ren­se fe­cha a jor­na­da na se­gun­da-fei­ra, em ca­sa do Es­to­ril-Praia.

©PE­DRO TRIN­DA­DE/LU­SA

Ben­fi­ca co­me­çou a no­va época da mes­ma ma­nei­ra que aca­bou a an­te­ri­or, a ga­nhar: en­car­na­dos ba­te­ram Sp. Bra­ga no do­min­go, por 3-0, e con­quis­ta­ram a sex­ta Su­per­ta­ça do seu his­to­ri­al

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.