CS:

OftalPro - - INQUÉRITO -

Na mai­or par­te dos ca­sos, pen­so que a fa­mí­lia é um gran­de pi­lar. Tem um pa­pel fun­da­men­tal em evi­tar a ques­tão da so­li­dão re­fe­ri­da an­te­ri­or­men­te. Pro­por­ci­o­na com­pa­nhia e aju­da nas des­lo­ca­ções hos­pi­ta­la­res, bem co­mo na apli­ca­ção dos tra­ta­men­tos. É tam­bém o prin­ci­pal su­por­te emo­ci­o­nal na mai­o­ria das si­tu­a­ções. Ra­ras são as si­tu­a­ções em que o con­tex­to fa­mi­li­ar po­de ser um fa­tor cau­sa­dor ou agra­van­te da do­en­ça ocu­lar. Em al­guns ca­sos, po­rém, a in­di­fe­ren­ça e a ne­gli­gên­cia fa­mi­li­ar po­dem in­ter­fe­rir de ma­nei­ra in­ver­sa.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.