Se­gu­ran­ça con­tra in­cên­di­os em edi­fí­ci­os com no­vas re­gras

Publico - Imobiliario - - Atualidade - Fernanda Cer­quei­ra

O re­gi­me ju­rí­di­co da Se­gu­ran­ça Con­tra In­cên­dio em Edi­fí­ci­os so­freu di­ver­sas al­te­ra­ções, com o ob­je­ti­vo de “cor­ri­gir im­pre­ci­sões e ga­ran­tir uma mai­or efi­cá­cia ju­rí­di­ca”. De acor­do com o co­mu­ni­ca­do do Con­se­lho de Mi­nis­tros, en­tre as prin­ci­pais al­te­ra­ções es­tão no­vas com­pe­tên­ci­as pa­ra os mu­ni­cí­pi­os, que pas­sam a “apre­ci­ar pro­je­tos e re­a­li­zar vis­to­ri­as e ins­pe­ções a edi­fí­ci­os clas­si­fi­ca­dos”. Si­mul­ta­ne­a­men­te, são cla­ri­fi­ca­dos “os re­qui­si­tos ne­ces­sá­ri­os dos res­pon­sá­veis pe­la ela­bo­ra­ção de pro­je­tos de se­gu­ran­ça con­tra in­cên­dio”, re­fe­re o mes­mo co­mu­ni­ca­do.

As­sim, e após a re­vi­são de 2015, o De­cre­to-Lei n.º 220/2008, de 12 de no­vem­bro, que es­ta­be­le­ce o re­gi­me ju­rí­di­co da Se­gu­ran­ça Con­tra In­cên­dio em Edi­fí­ci­os (SCIE), se­rá al­te­ra­do no sen­ti­do de in­tro­du­zir tam­bém ajus­tes no re­gi­me con­tra­or­de­na­ci­o­nal, “me­lho­ran­do-se o sis­te­ma de apli­ca­ção de san­ções pa­ra as em­pre­sas não re­gis­ta­das na Au­to­ri­da­de Na­ci­o­nal de Pro­te­ção Ci­vil (ANPC) que não se en­con­trem ha­bi­li­ta­das a pros­se­guir a co­mer­ci­a­li­za­ção de equi­pa­men­tos e sis­te­mas de se­gu­ran­ça con­tra in­cên­di­os em edi­fí­ci­os, sua ins­ta­la­ção e ma­nu­ten­ção”.

Por ou­tro la­do, são es­ta­be­le­ci­dos pe­río­dos tran­si­tó­ri­os, quer pa­ra a en­tre­ga das me­di­das de au­to­pro­te­ção, quer “pa­ra a al­te­ra­ção dos re­qui­si­tos dos téc­ni­cos pro­je­tis­tas e au­to­res de me­di­das de au­to­pro­te­ção pa­ra que, nes­te pe­río­do, pos­sam ser re­co­nhe­ci­dos pe­la ANPC”, re­fe­re ain­da o co­mu­ni­ca­do.

No âm­bi­to do Pro­gra­ma Sim­plex + 2017, o Go­ver­no, atra­vés do Mi­nis­té­rio da Ad­mi­nis­tra­ção In­ter­na, irá de­sen­vol­ver até ao fi­nal do ano a me­di­da ‘Por­tal de Se­gu­ran­ça Con­tra In­cên­dio em Edi­fí­ci­os’, que per­mi­ti­rá “a tra­mi­ta­ção des­ma­te­ri­a­li­za­da dos pro­ce­di­men­tos pre­vis­tos no re­gi­me le­gal”.

Atra­vés des­ta pla­ta­for­ma ele­tró­ni­ca po­de­rão ser efe­tu­a­dos, de for­ma des­ma­te­ri­a­li­za­da: a en­tre­ga de re­que­ri­men­tos e do­cu­men­tos; a con­sul­ta do es­ta­do dos pro­ce­di­men­tos tam­bém pe­los in­te­res­sa­dos; o en­vio de pa­re­ce­res, re­la­tó­ri­os de vis­to­ri­as e de ins­pe­ções no âm­bi­to da se­gu­ran­ça con­tra in­cên­di­os em edi­fí­ci­os, quan­do so­li­ci­ta­dos à ANPC; e a co­mu­ni­ca­ção da de­ci­são.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.