Pes­ta­na Eco Vil­la­ge an­te­ci­pa en­tre­ga de uni­da­des no ve­rão

De­pois do enor­me su­ces­so nas ven­das da úl­ti­ma fa­se do em­pre­en­di­men­to, a cons­tru­ção con­ti­nua a bom rit­mo

Publico - Imobiliario - - Resorts -

O em­pre­en­di­men­to Pes­ta­na Tróia Eco-Re­sort & Re­si­den­ces con­cluiu a ven­da de cer­ca de 70% da quin­ta e úl­ti­ma fa­se do pro­je­to. Re­cor­de-se que a úl­ti­ma fa­se, de­sig­na­da Pes­ta­na Eco Vil­la­ge, foi lan­ça­da em Mar­ço do ano pas­sa­do, re­sul­tan­te de um in­ves­ti­men­to de oi­to mi­lhões de eu­ros.

O Pes­ta­na Eco Vil­la­ge in­clui a cons­tru­ção de Pi­ne Vil­las, da au­to­ria do ar­qui­tec­to Mi­guel Pas­sos de Al­mei­da, bem co­mo de Be­a­ch Vil­las, pro­je­ta­das por Ar­qui­tec­tu­ra Du­e­to/ Jai­me Mo­rais & Mo­du­lar Sys­tem.

As ca­sas têm dois ou três quar­tos, com va­lo­res mé­di­os de ven­da en­tre 550 a 600 mil eu­ros. A en­tre­ga de to­das as uni­da­des pre­vê-se já pa­ra o ve­rão des­te ano. Além do con­cei­to, cui­da­do­sa­men­te pen­sa­do pa­ra mi­ni­mi­zar o im­pac­te am­bi­en­tal, fo­ram es­co­lhi­das téc­ni­cas cons­tru­ti­vas e ma­te­ri­ais ami­gos do am­bi­en­te, re­sul­tan­do nu­ma cons­tru­ção sus­ten­tá­vel, de al­ta qua­li­da­de e du­ra­bi­li­da­de. Hou­ve ain­da um in­ves­ti­men­to de dois mi­lhões de eu­ros no pro­je­to ur­ba­nís­ti­co, ten­do si­do plan­ta­das du­as mil no­vas ár­vo­res e mais de 75 mil no­vas plan­tas, to­das au­tóc­to­nes.

O em­pre­en­di­men­to dis­põe de um club-hou­se com gi­ná­sio, spa, pis­ci­na in­te­ri­or e ex­te­ri­or, sa­la de jo­gos e lei­tu­ra, par­que aven­tu­ra, ci­clo­via eco­ló­gi­ca, cam­po de pa­del, courts de té­nis e cam­pos de jo­gos mul­tiu­sos. A úl­ti­ma eta­pa do Pes­ta­na Eco-Vil­la­ge se­rá con­cluí­da com a cons­tru­ção de um Be­a­ch Club com aces­so pú­bli­co e on­de te­rá disponível bar, res­tau­ran­te e um loun­ge pa­ra even­tos.

In­ves­ti­men­to to­tal de 80 mi­lhões

Re­cor­de-se que a co­mer­ci­a­li­za­ção do Pes­ta­na Tróia Eco-Re­sort & Re­si­den­ces ar­ran­cou há se­te anos. Es­te pro­je­to foi pen­sa­do pa­ra ser de­sen­vol­vi­do em cin­co fa­ses, ao lon­go de dez anos. Na re­a­li­da­de, da­das as con­di­ções atu­ais do mer­ca­do, fi­ca­rá con­cre­ti­za­do em ape­nas oi­to anos, fru­to de um in­ves­ti­men­to to­tal de 80 mi­lhões de eu­ros, pre­ven­do-se que ge­re uma re­cei­ta glo­bal na or­dem dos 150 mi­lhões.

Tra­ta-se do pro­je­to com a me­nor den­si­da­de de cons­tru­ção de to­da a Costa Alen­te­ja­na e um dos pou­cos PIN (Pro­je­tos de In­te­res­se Na­ci­o­nal) que se tem vin­do a con­cre­ti­zar den­tro das da­tas pre­vis­tas. Com uma lo­ca­li­za­ção ex­clu­si­va in­se­ri­da nu­ma zo­na de Re­ser­va Eco­ló­gi­ca, on­de a cons­tru­ção ocu­pa ape­nas 5% de to­do o ter­re­no, os res­tan­tes 95% da área do eco-re­sort são Re­ser­va Eco­ló­gi­ca (50%) e Área Ver­de Pro­te­gi­da (45%), a me­nos de uma ho­ra de Lis­boa e a pou­cos me­tros da praia.

Com 100% das ca­sas das fa­ses an­te­ri­o­res já ven­di­das, es­tão ape­nas cin­co lo­tes dis­po­ní­veis pa­ra a cons­tru­ção de mo­ra­di­as ex­clu­si­vas, na li­nha da fren­te da pro­pri­e­da­de. Na no­va e úl­ti­ma fa­se, 50% do Pes­ta­na Eco-Vil­la­ge já es­tá ven­di­do.

FO­TOS:DR

Va­lo­res mé­di­os de ven­da das Pne VIl­las en­tre 550 a 600 mil eu­ros

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.