Mer­kel dis­po­ní­vel pa­ra aco­lher re­fu­gi­a­do Pas­sos Co­e­lho

Publico - Inimigo - - O INIMIGO PÚBLICO -

An­ge­la Mer­kel, a san­ta pa­dro­ei­ra dos re­fu­gi­a­dos, vai vol­tar a abrir as fron­tei­ras da Ale­ma­nha pa­ra dei­xar en­trar mais um in­di­ví­duo que está a pas­sar por uma si­tu­a­ção an­gus­ti­an­te no seu pró­prio país e pre­ci­sa de ir em­bo­ra. A extrema-di­rei­ta des­ta vez não está a cri­ti­car a Chan­ce­ler, pois pelo menos es­te no­vo re­fu­gi­a­do tem a pe­le bran­ca e não é do Mé­dio Ori­en­te. “Ele sa­cri cou-se por nós. Ele deu tan­to dinheiro a ganhar à Ale­ma­nha que eu não po­dia re­cu­sar es­te pe­di­do de aju­da ao Pe­dro­cas num mo­men­to tão com­pli­ca­do. Vai car a mo­rar na casa do ca­sei­ro aqui na quin­ta e ar­ran­jei-lhe um tra­ba­lho nu­ma bar­ra­ca de pi­ta sho­ar­ma de um re­fu­gi­a­do meu co­nhe­ci­do. Coi­ta­do, estava cheio de fo­me e estava com os olhi­nhos tris­tes, ta­di­nho”, la­men­tou Mer­kel.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.