Pir­lo es­tá num im­pas­se, pois é mui­to ve­lho pa­ra jo­gar fu­te­bol mas é de­ma­si­a­do no­vo pa­ra che­fi­ar a Pro­tec­ção Ci­vil em Por­tu­gal

Publico - Inimigo - - O INIMIGO PÚBLICO - JH

An­drea Pir­lo en­cer­rou es­ta se­ma­na a sua car­rei­ra co­mo fu­te­bo­lis­ta. Aos 38 anos, o mé­dio tem ago­ra uma lon­ga car­rei­ra pe­la fren­te co­mo co­men­ta­dor, trei­na­dor e a dar a ca­ra por clí­ni­cas de im­plan­te ca­pi­lar em anún­ci­os do Fa­ce­bo­ok, mas na­da dis­so o dei­xa to­tal­men­te pre­en­chi­do. “En­quan­to eu não con­cre­ti­zo o mai­or so­nho da mi­nha vi­da, vou fa­zen­do tem­po a trei­nar os me­lho­res clu­bes ita­li­a­nos e in­gle­ses até aos 60 anos, de­pois vou pa­ra a Di­rec­ção-Ge­ral da Saú­de 10 anos, de­pois saio aos 70 anos co­mo o Fran­cis­co Ge­or­ge, es­pe­ro 1 ano e en­tro na Pro­tec­ção Ci­vil aos 71 anos co­mo o Mou­ra­to Nu­nes. Só de ima­gi­nar ser in­di­gi­ta­do pe­lo Mi­nis­té­rio da Ad­mi­nis­tra­ção In­ter­na co­mo Pre­si­den­te da Au­to­ri­da­de Na­ci­o­nal de Pro­tec­ção Ci­vil, até me vêm as lá­gri­mas aos olhos”, ad­mi­tiu Pir­lo.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.