Ca­ta­ri­na Mar­tins dá o OK ao or­ça­men­to e pas­sa a ter a ca­ra nas no­tas de 5 euros

Publico - Inimigo - - PRIMEIRA PÀGINA -

Foi du­ro. Na qu­ar­ta-fei­ra, o Blo­co ame­a­çou cha­mar Kamala Har­ris, para mos­trar a João Leão com quan­tos paus se pa­ga uma ca­noa, e Pe­dro Nuno Santos te­ve de ser agar­ra­do pe­la mi­nis­tra da jus­ti­ça por­que não pa­ra­va de cha­mar “Wolf­gang Schäu­ble do Al­vi­to” a Ma­ri­a­na Mor­tá­gua. Ca­ta­ri­na Mar­tins quis vá­ri­as ve­zes es­ti­car a cor­da até re­ben­tar mas o PM en­co­lheu os om­bros e res­pon­deu que vem aí a bazuca da Eu­ro­pa e tem di­nhei­ro a ro­dos para com­prar mais cor­das. O acor­do lá se ali­nha­vou, com o Blo­co a fa­zer si­nal de fixe ao Or­ça­men­to, se a sua co­or­de­na­do­ra pas­sar a ser o ros­to das no­tas de 5 euros. “Cos­ta até propôs as no­tas de 20 mas eu sou mo­des­ta e bas­ta-me as de 5, que é a no­ta do Po­vo e o pre­ço do ‘cap­puc­ci­no awe­so­me’ na mi­nha cof­fee shop”, ex­pli­cou Mar­tins.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.