Os LCD Soundsy

Publico - Ipsilon - - Sumário -

Ti­ve­ram um “fi­nal per­fei­to” pa­ra re­gres­sa­rem não mui­to de­pois, ir­ri­tan­do e en­tu­si­as­man­do fãs. Ame­ri­can Dre­am, o no­vo dis­co, põe em cau­sa um “le­ga­do”, diz Ja­mes Murphy, que não sa­be es­tar pa­ra­do.

de Abril de 2011. Ar­tur Pei­xo­to pode di­zer ”I was the­re”, re­pe­tin­do o man­tra de Ja­mes Murphy em Lo­sing my ed­ge. O pro­mo­tor de concertos, 40 anos, esteve no su­pos­to úl­ti­mo con­cer­to dos LCD Soundsys­tem no Ma­di­son Squa­re Gar­den, em No­va Ior­que. Na­que­la “sa­la mons­tru­o­sa”, ins­ta­lou-se “um am­bi­en­te fa­mi­li­ar” e, du­ran­te mais de três ho­ras, hou­ve ale­gria, lá­gri­mas e “mo­men­tos ex­tra­or­di­ná­ri­os”, co­mo quan­do os Ar­ca­de Fi­re fi­ze­ram co­ros em North ame­ri­can scum. Não era um con­cer­to qual­quer: era a (ale­ga­da) des­pe­di­da de um gru­po que mu­dou a for­ma co­mo o rock e a mú­si­ca de dan­ça se to­cam, o pon­to mais al­to da car­rei­ra de

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.