O ci­ne­ma, o cli­ma e a Ser­ra da Es­tre­la

Publico - Ipsilon - - Sumário -

“Tu­do po­de mu­dar” é o le­ma da edi­ção de 2017 do Ci­ne’Eco Seia, o Fes­ti­val In­ter­na­ci­o­nal de Ci­ne­ma Am­bi­en­tal da Ser­ra da Es­tre­la, no ac­ti­vo des­de 1995. A ex­pres­são que dá o mo­te pa­ra es­te ano vem do li­vro de Na­o­mi Klein, lan­ça­do em 2014. De 14 a 21 de Outubro, o Ci­ne’Eco mos­tra­rá, na Casa da Cul­tu­ra de Seia, Uma Ver­da­de (Mais) In­con­ve­ni­en­te, de Bon­nie Cohen e Jon Shenk, a se­que­la de Uma Ver­da­de In­con­ve­ni­en­te, o fil­me so­bre mu­dan­ças cli­má­ti­cas de 2006 com Al Go­re no cen­tro. Com o Acor­do de Pa­ris do qual Do­nald Trump se li­vrou co­mo fo­co, o fil­me pas­sa em estreia na­ci­o­nal, a dia 18, oi­to dias an­tes de ser exi­bi­do no Do­cLis­boa des­te ano. São, ao to­do, 100 fil­mes, com um fo­co gran­de no do­cu­men­tá­rio, mas com al­gu­ma fic­ção pelo meio. Mas não é o úni­co mo­ti­vo de in­te­res­se: Os Bur­ros Mor­tos Não

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.