“A Amé­ri­ca fa­lhou en­quan­to no­vo lu­gar ca­paz de cor­ri­gir os er­ros da Eu­ro­pa”

Publico - Ipsilon - - Sumário - Isabel Lu­cas

Co­mo se po­de es­cre­ver sobre es­cra­va­tu­ra sem que is­so soe a re­pe­ti­ção? Foi um dos de­sa­fi­os de Col­son Whi­tehe­ad em A Es­tra­da Sub­ter­râ­nea. A par­tir de Coi­ra, uma ra­pa­ri­ga de 16 anos, in­da­ga a iden­ti­da­de de um país e da sua pre­mis­sa ori­gi­nal: ser gran­de e li­vre.

Lo­go no iní­cio de A Es­tra­da Sub­ter­râ­na (Al­fa­gua­ra) há a re­fe­rên­cia a um na­vio de es­cra­vos por­tu­guês à de­ri­va ao lar­go das Ber­mu­das de­pois de to­da a tri­pu­la­ção ter si­do di­zi­ma­da pe­la pes­te. Foi num tem­po em que Áfri­ca for­ne­cia a mão-de­o­bra à Amé­ri­ca e por­tu­gue­ses e ho­lan­de­ses do­mi­na­vam os ma­res. “De­pois vi­e­ram os ou­tros. Mas não fo­ram os por­tu­gue­ses que in­ven­ta­ram a es­cra­va­tu­ra. Ela é mais an­ti­ga do que is­so. Exis­te des­de que uma pes­soa foi ca­paz de exer­cer o seu poder sobre ou­tra”, re­fe­re Col­son Whi­tehe­ad, 47 anos, escritor que tem ar­ris­ca­do vá­ri­os gé­ne­ros. Admirador de Ralph El­li­son, Dos­toiévs­ki, Bec­kett, fa­la ago­ra do seu sex­to ro­man­ce que po­de ser li­do em mais de 40 paí­ses. Uma his­tó­ria da es­cra­va­tu­ra que é mais do que is­so: as­sen­ta nos fun­da­men­tos da Amé­ri­ca e fa­la de um pre­sen­te on­de ecoa a pre­mis­sa da su­pre­ma­cia bran­ca. Aque­la que per­mi­tiu a ex­pan­são e a cons­tru­ção de um pro­jec­to que quis ser mais do que o de um país gran­de: ser um ter­ri­tó­rio on­de to­dos os ho­mens fos­sem iguais, ca­paz de exis­tir sem os er­ros da Eu­ro­pa. A par­tir da his­tó­ria de Co­ra, jo­vem ne­gra na Amé­ri­ca es­cla­va­gis­ta de me­a­dos do sé­cu­lo XIX, A Es­tra­da Sub­ter­râ­nea aca­ba por ser a his­tó­ria des­se fa­lhan­ço. O seu au­tor fa­la dis­so en­tre ti­mi­dez e ti­ra­das la­có­ni­cas. Se lhe per­gun­tas­sem o que gos­ta­ria de es­tar a fa­zer tal­vez res­pon­des­se que pre­fe­ria fi­car em fren­te ao com­pu­ta­dor, na ca­sa on­de vi­ve em No­va Ior­que, a jogar vi­de­o­ga­mes.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.