Cró­ni­ca da vi­o­lên­cia na Colôm­bia

Publico - Ipsilon - - Sumário -

Ina­ca­ba­da e pós­tu­ma, uma cró­ni­ca da vi­o­lên­cia na Colôm­bia. Mes­mo em re­gis­to pós­tu­mo e frag­men­ta­do, Car­los Fu­en­tes é ro­man­cis­ta de ra­ça. Má­rio San­tos

Aqui­les ou O Gu­er­ri­lhei­ro e o As­sas­si­no

Car­los Fu­en­tes

(Trad. He­le­na Pit­ta)

Sex­tan­te Edi­to­ra O re­per­tó­rio de obras pu­bli­ca­das após a mor­te dos res­pec­ti­vos au­to­res é tão vas­to e va­ri­a­do que não nos fal­ta­ria ma­te­ri­al se qui­sés­se­mos es­cre­ver uma his­tó­ria da li­te­ra­tu­ra pós­tu­ma. Pres­cin­din­do do ca­so pa­ra­dig­má­ti­co e mui­to co­nhe­ci­do da obra de Kaf­ka, bas­ta­rá lem­brar que Bou­vard e Pé­cu­chet, de Flau­bert, e Had­ji Mu­rat, de Tols­toi, du­as das mi­nhas no­ve­las pre­di­lec­tas, fo­ram pu­bli­ca­das pos­tu­ma­men­te. Ba­si­ca­men­te (e es­ta­mos tra­tan­do aqui ape­nas de fic­ção, pa­ra

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.