“So­mos in­cons­tan­tes”

Record (Portugal) - - SUB-21 - J.S.

A vi­tó­ria lu­sa não dei­xou Rui Jor­ge to­tal­men­te sa­tis­fei­to e até apon­tou al­guns pro­ble­mas à equi­pa. “Antes e de­pois do pri­mei­ro go­lo exis­ti­ram coi­sas que não agra­da­ram. Is­so le­va-nos a um es­ta­do de in­tran­qui­li­da­de que não é be­né­fi­co. A es­pa­ços, te­mos qua­li­da­de de jo­go, mas so­mos mui­to in­cons­tan­tes. Ain­da não te­mos a se­gu­ran­ça de jo­go e is­so de­mons­tra-se em al­gu­mas par­tes do en­con­tro. Es­tra­te­gi­ca­men­te, de­fen­de­mos um bo­ca­di­nho mais bai­xo e aca­bá­mos por ven­cer, que era mui­to im­por­tan­te”, re­fe­riu. So­bre o apoio das ban­ca­das, o se­le­ci­o­na­dor ad­mi­tiu que “jogar em ca­sa é mais re­con­for­tan­te”, lem­bran­do de­pois o no­vo du­e­lo, ago­ra fo­ra de por­tas. “Te­re­mos de nos des­lo­car à Suíça, num jo­go que também se­rá com­pli­ca­do, mas, tra­di­ci­o­nal­men­te, uma fa­se de gru­pos de apu­ra­men­to é sem­pre com­pli­ca­da.” *

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.