Mi­lhei­rós de Poi­a­res

Uma pe­que­na fre­gue­sia no dis­tri­to de Avei­ro es­tá no cen­tro de uma guer­ra po­lí­ti­ca, que en­vol­ve Pe­dro Nu­no San­tos.

Sábado - - SUMÁRIO - Por Mar­ga­ri­da Da­vim

A guer­ra po­lí­ti­ca de Pe­dro Nu­no San­tos por 7,87 km2

São só 7,87 km², com 3.791 ha­bi­tan­tes. Mas che­gam pa­ra fa­zer uma guer­ra po­lí­ti­ca que já deu di­rei­to a um re­fe­ren­do e até en­vol­ve o se­cre­tá­rio de Es­ta­do dos As­sun­tos Par­la­men­ta­res, Pe­dro Nu­no San­tos. Bem-vin­do a Mi­lhei­rós de Poi­a­res. A mag­na ques­tão que di­vi­de os con­ce­lhos de Santa Ma­ria da Fei­ra e São João da Ma­dei­ra é a de sa­ber qual dos dois fi­ca­rá com es­ta pe­que­na fre­gue­sia. A res­pos­ta não é ir­re­le­van­te pa­ra São João da Ma­dei­ra, dos pou­cos con­ce­lhos do País com ape­nas uma fre­gue­sia, que há mui­to am­bi­ci­o­na “ane­xar” Mi­lhei­rós de Poi­a­res. O pro­ble­ma é que Santa Ma­ria da Fei­ra não es­tá dis­pos­ta a per­der ne­nhu­ma das su­as 21 fre­gue­si­as, nem a fi­car sem os equi­pa­men­tos que cons­truiu em Mi­lhei­rós de Poi­a­res, um pon­to con­si­de­ra­do es­tra­té­gi­co por es­tar num nó de aces­so à au­to-es­tra­da A32.

Em 2012, num re­fe­ren­do lo­cal au­to­ri­za­do pe­lo Tri­bu­nal Cons­ti­tu­ci­o­nal, 81% dos vo­tos fo­ram a fa­vor da trans­fe­rên­cia da fre­gue­sia.

A guer­ra de Pe­dro Nu­no?

Daí pa­ra cá, na­da foi fei­to. Mas um gru­po de de­pu­ta­dos do PS e do BE apre­sen­tou, no fi­nal de Se­tem­bro, uma pro­pos­ta pa­ra efec­ti­var a trans­fe­rên­cia ad­mi­nis­tra­ti­va pa­ra São João da Ma­dei­ra. O pro­jec­to de lei deu en­tra­da no Par­la­men­to e aguar­da agen­da­men­to. En­tre­tan­to, o de­ba­te lo­cal sobe de tom e o pre­si­den­te da Câ­ma­ra de Santa Ma­ria da Fei­ra apon­ta o en­vol­vi­men­to de Pe­dro Nu­no San­tos, o se­cre­tá­rio de Es­ta­do dos As­sun­tos Par­la­men­ta­res, que é na­tu­ral de São João da Ma­dei­ra. Emí­dio Sou­sa vê nis­to “um ca­pri­cho po­lí­ti­co” do so­ci­a­lis­ta. “Pe­dro Nu­no San­tos tem li­de­ra­do o pro­ces­so. Em cam­pa­nha, dis­se que o seu mu­ni­cí­pio ia conquistar ter­ri­tó­rio”, acu­sa o au­tar­ca so­ci­al-de­mo­cra­ta à SÁ­BA­DO.

Até no PS de Santa Ma­ria da Fei­ra há quem acre­di­te que a in­ter­ven­ção do go­ver­nan­te te­rá si­do de­ci­si­va: o mi­li­tan­te so­ci­a­lis­ta lo­cal Már­cio Cor­reia es­cre­veu no Fa­ce­bo­ok que Pe­dro Nu­no “ni­ti­da­men­te es­tá a aju­dar o con­ce­lho do qual é na­tu­ral, São João da Ma­dei­ra”.

“É Pe­dro Nu­no San­tos quem es­tá por trás dis­to”, acu­sa tam­bém o de­pu­ta­do so­ci­al-de­mo­cra­ta Ama­deu Al­ber­ga­ria. “A in­ci­a­ti­va par­la­men­tar não faz sen­ti­do. Não es­tá em cur­so ne­nhu­ma re­for­ma ad­mi­nis­tra­ti­va ter­ri­to­ri­al. É um ca­so avul­so que só po­de ser en­ten­di-

“PE­DRO NU­NO SAN­TOS TEM LI­DE­RA­DO O PRO­CES­SO”, ACU­SA O AU­TAR­CA DA FEI­RA

do do pon­to de vis­ta po­lí­ti­co”, diz. “Não in­ter­fi­ro nas ini­ci­a­ti­vas dos de­pu­ta­dos”, as­se­gu­ra à SÁ­BA­DO

Pe­dro Nu­no San­tos, que ad­mi­te ser “so­li­dá­rio” com a ini­ci­a­ti­va dos elei­tos por Avei­ro do PS e do BE. “Es­tão a dar ex­pres­são à von­ta­de po­lí­ti­ca da mai­o­ria do po­vo de Mi­lhei­rós”, de­fen­de, acu­san­do o PSD e au­tar­ca da Fei­ra de “vo­ta­rem du­ran­te anos a fre­gue­sia ao es­que­ci­men­to e ao aban­do­no”. A con­sequên­cia, con­clui, “foi o dis­tan­ci­a­men­to pro­gres­si­vo do po­vo de Mi­lhei­rós fa­ce ao po­der po­lí­ti­co da Fei­ra”. Emí­dio Sou­sa tem ou­tro en­ten­di­men­to: ga­ran­te que o fac­to de o PSD ter con­quis­ta­do a câ­ma­ra e a as­sem­bleia mu­ni­ci­pal nas úl­ti­mas au­tár­qui­cas, com a de­fe­sa da ma­nu­ten­ção da fre­gue­sia na Fei­ra, é a prova de que a opi­nião mu­dou des­de 2012. E acres­cen­ta à sua ar­gu­men­ta­ção “uma pe­ti­ção com 25 mil as­si­na­tu­ras” já en­tre­gue no Par­la­men­to con­tra a ane­xa­ção a São João da Ma­dei­ra. “O re­fe­ren­do é a úni­ca ex­pres­são vá­li­da da von­ta­de po­pu­lar, o úni­co re­sul­ta­do elei­to­ral que não dei­xa mar­gem pa­ra dú­vi­da”, con­tra­põe Moi­sés Ferreira, de­pu­ta­do blo­quis­ta.

PS con­tra PS

O as­sun­to que di­vi­de as pai­xões lo­cais já le­vou o PS a vo­tar con­tra a trans­fe­rên­cia da fre­gue­sia na As­sem­bleia Mu­ni­ci­pal da Fei­ra. E na As­sem­bleia de Jun­ta de Mi­lhei­rós de Poi­a­res uma pro­pos­ta pa­ra apoi­ar a de­sa­ne­xa­ção foi apro­va­da por ape­nas um vo­to. “Ain­da te­nho al­gu­ma es­pe­ran­ça de que o pro­jec­to não se­ja apro­va­do. Mas é um tex­to que tem coi­sas ina­cre­di­tá­veis, por­que ex­pro­pria o con­ce­lho de Santa Ma­ria da Fei­ra de to­das as su­as pro­pri­e­da­des e in­fra-es­tru­tu­ras no ter­ri­tó­rio”, diz o pre­si­den­te da câ­ma­ra. A ini­ci­a­ti­va le­gis­la­ti­va pre­vê uma com­pen­sa­ção de São João da Ma­dei­ra “no ca­so dos bens imó­veis do do­mí­nio pri­va­do do mu­ni­cí­pio da Fei­ra, ac­tu­al­men­te não afec­tos à re­a­li­za­ção das res­pec­ti­vas atri­bui­ções”, mas Emí­dio Sou­sa diz que es­te po­de ser um va­lor in­com­por­tá­vel pa­ra o con­ce­lho vi­zi­nho. “Es­pe­ro não ter de che­gar ao pon­to de ter de pedir uma in­dem­ni­za­ção, que se­ria de mi­lhões”, co­men­ta à SÁ­BA­DO.

Pe­dro Nu­no San­tos diz que, co­mo go­ver­nan­te, não in­ter­fe­re, mas es­tá “so­li­dá­rio” com a cau­sa de São João da Ma­dei­ra

Da po­lí­ti­ca ao des­por­to Com o Feirense na Pri­mei­ra Li­ga, o te­ma ga­nhou vi­si­bi­li­da­de nos jo­gos de fu­te­bol

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.