LU­SO-lon­dri­nas

VOGUE (Portugal) - - Música - Por Luís Maio.

Sónia Bernardo nas­ceu em Lon­dres, mas os pais eram emi­gran­tes e re­sol­ve­ram re­gres­sar a Carregal do Sal, per­to de Vi­seu, ti­nha ela 10 anos. “Eu, claro, vol­tei pa­ra Por­tu­gal com eles. Até que aos 17 de­ci­di ir es­tu­dar pa­ra Lon­dres. Que­ria es­tu­dar mú­si­ca, mas o meu pai não dei­xou. En­tão ma­tri­cu­lei-me em Bi­o­me­di­ci­na. Fui ten­do li­ções de gui­tar­ra, mas tu­do o res­to apren­di so­zi­nha. Fun­dei a mi­nha pri­mei­ra ban­da e co­me­cei a es­cre­ver mú­si­ca pa­ra ou­tras pes­so­as. De há três anos a es­ta par­te que es­tou a can­tar o que eu pró­pria es­cre­vo.” Co­me­çou por to­car por tu­ta-e-meia pa­ra en­tre­ter o se­rão da mal­ta dos pubs. “Em 2014 es­ta­va a to­car qua­se to­dos os di­as em sí­ti­os di­fe­ren­tes e um en­ge­nhei­ro de som que tra­ba­lha com o Phil Man­za­ne­ra (gui­tar­ris­ta dos Roxy Music) es­ta­va num pub on­de eu to­quei e ele fil­mou-me. O Phil li­gou-me no dia a se­guir a con­vi­dar-me pa­ra ir ter com ele ao es­tú­dio.”

Du­as das can­ções en­tão gra­va­das fo­ram pa­rar a The Sound of Blue, o ál­bum de­le lan­ça­do há um ano, in­cluin­do o mi­ni­ê­xi­to No Chur­ch in the Wild com um te­le­dis­co on­de a por­tu­gue­sa é a ver­da­dei­ra es­tre­la. Não ad­mi­ra que o len­dá­rio gui­tar­ris­ta te­nha con­vo­ca­do Sónia pa­ra voz prin­ci­pal da di­gres­são se­guin­te com um ali­nha­men­to à ba­se dos êxi­tos dos Roxy Music. Um des­ses con­cer­tos, no Cu­ri­ous Arts Fes­ti­val, foi gra­va­do e lan­ça­do co­mo dis­co ao vi­vo, em ou­tu­bro pas­sa­do e é ou­tra pro­va do imen­so ta­len­to da can­to­ra por­tu­gue­sa que, en­tre­tan­to, ga­nhou um no­vo e ines­pe­ra­do pa­dri­nho na fi­gu­ra de Jo­ols Hol­land, uma das ca­ras mais co­nhe­ci­das da te­le­vi­são bri­tâ­ni­ca.

“O Jo­ols dis­se-me que era mui­to in­te­res­san­te por­que não há mui­ta gen­te a fa­zer o que eu fa­ço. En­tão con­vi­dou-me pa­ra pre­en­cher as pri­mei­ras par­tes da sua di­gres­são no ve­rão do ano pas­sa­do e vol­tou a cha­mar-me já es­te in­ver­no. Pe­lo meio Sónia – que pre­fe­re as­si­nar só Bernardo – lan­çou o EP de es­treia. Cha­ma-se Ten­der e soa um bo­ca­di­nho a Amy Wi­nehou­se. “Te­nho mui­to a es­co­la do jazz e da soul, uso bas­tan­te a bos­sa no­va, mas sou mui­to in­die a es­cre­ver mú­si­cas.” É, diz a por­tu­gue­sa, um pro­du­to do Sul de Lon­dres, on­de atu­al­men­te re­si­de: “Eu sou por­tu­gue­sa, te­nho mui­to or­gu­lho de ser por­tu­gue­sa, mas aci­ma de tu­do sou lon­dri­na.”

Ca­ta­ri­na Ve­lo­so nas­ceu em Lis­boa e vi­ve há 10 anos em Lon­dres, atu­al­men­te em Hack­ney. “Cres­ci em Lis­boa, mas já fui em­bo­ra há tan­to tem­po que to­do o meu cé­re­bro adul­to foi for­ma­do em Lon­dres. Já não po­nho a ques­tão se gos­to ou não – Lon­dres é a mi­nha ci­da­de, a mi­nha re­a­li­da­de diá­ria.” Em Lis­boa ain­da fre­quen­tou um cur­so de de­sign, mas de­pois foi ex­pe­ri­men­tar ar­tes per­for­ma­ti­vas pa­ra Lon­dres. “A mú­si­ca não foi uma de­ci­são pre­me­di­ta­da. Es­ta­va um dia no meu quar­to, es­cre­vi du­as mú­si­cas na gui­tar­ra e pus na Sound­clound. Foi co­mo um exer­cí­cio, pa­ra pa­rar de ter ver­go­nha. Nun­ca com o ob­je­ti­vo de co­me­çar uma car­rei­ra.”

O fe­ed­back veio quan­do me­nos es­pe­ra­va, no ano e meio que an­dou à bo­leia, de cos­ta a cos­ta nos Es­ta­dos Unidos. “Lem­bro-me de es­tar na lo­ja da Ap­ple em No­va Ior­que e de apro­vei­tar pa­ra ver o cor­reio ele­tró­ni­co. Ti­nha re­ce­bi­do imen­sos emails com pe­di­dos pa­ra to­car ao vi­vo e pa­ra co­la­bo­rar com ou­tros mú­si­cos.” En­tre os in­te­res­sa­dos es­ta­va tam­bém Rus­sel, o atu­al em­pre­sá­rio, que lhe apre­sen­tou Lu­ke Smith, pro­du­tor que tra­ba­lhou com ar­tis­tas co­mo os Fo­als e os De­pe­che Mo­de. Com ele gra­vou The Wa­ves, o EP de es­treia sob o ali­as Mai Ki­no, num re­gis­to de pop elec­tró­ni­ca que vai apre­sen­tar ao vi­vo no Lis­bon Dan­ce Fes­ti­val (10 e 11 de maio, Lx­fac­tory). l

Sónia Bernardo e Ca­ta­ri­na Ve­lo­so são por­tu­gue­sas, lon­dri­nas e ca­mi­nham pa­ra es­tre­las pop em 2017.

Ca­ta­ri­na Ve­lo­so e Sónia Bernardo (em ci­ma)

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Portugal

© PressReader. All rights reserved.