MPLA MOS­TRA­RÁ AO MUN­DO CO­MO SE RE­GU­LA A IM­PREN­SA

A En­ti­da­de Re­gu­la­do­ra da Co­mu­ni­ca­ção So­ci­al An­go­la­na (ERCA) as­su­miu no 26.10 a pre­si­dên­cia da Pla­ta­for­ma das En­ti­da­des Re­gu­la­do­ras (PER) da Co­mu­ni­ca­ção dos Paí­ses e Ter­ri­tó­ri­os de Lín­gua Por­tu­gue­sa pa­ra um man­da­to de um ano, su­ce­den­do a Moçambique.

Folha 8 - - DESTAQUE -

Ao as­su­mir a pre­si­dên­cia ro­ta­ti­va do ór­gão que vai li­de­rar o pro­ces­so de re­gu­la­ção e su­per­vi­são da co­mu­ni­ca­ção so­ci­al, o pre­si­den­te da ERCA, Ade­li­no Mar­ques de Al­mei­da, re­fe­riu que te­rá uma “du­pla res­pon­sa­bi­li­da­de”, ten­do em con­ta as di­fi­cul­da­des que en­fren­ta do pon­to de vis­ta de ins­ta­la­ções. Ape­sar das di­fi­cul­da­des, su­bli­nhou, a ins­ti­tui­ção es­tá mo­ti­va­da e vai con­tar com o apoio e ex­pe­ri­ên­ci­as das di­ver­sas en­ti­da­des re­gu­la­do­ras da PER. O en­con­tro da Pla­ta­for­ma das En­ti­da­des Re­gu­la­do­ras da Co­mu­ni­ca­ção So­ci­al dos Paí­ses e Ter­ri­tó­ri­os de Lín­gua Por­tu­gue­sa, que de­cor­reu em Lu­an­da du­ran­te qua­tro di­as, ter­mi­nou já com o com­pro­mis­so de promoção de po­lí­ti­cas de gé­ne­ro, ali­cer­ça­das na pro­tec­ção de di­rei­tos, li­ber­da­des e ga­ran­ti­as fun­da­men­tais. No do­cu­men­to fi­nal, os par­ti­ci­pan­tes acor­da­ram na par­ti­lha de in­for­ma­ções as­sen­tes em es­tu­dos já re­a­li­za­dos e a re­a­li­zar nos paí­ses mem­bros, em ma­té­ria de gé­ne­ro, ten­do co­mo ob­jec­ti­vo a adop­ção de um qu­a­dro co­mum, con­si­de­ran­do a re­a­li­da­de de ca­da país. Ma­ni­fes­ta­ram tam­bém pre­o­cu­pa­ção quan­to à pro­li­fe­ra­ção do cres­cen­te fe­nó­me­no da de­sin­for­ma­ção, co­nhe­ci­do por “fa­ke news” (no­tí­ci­as fal­sas), a que se as­sis­te ac­tu­al­men­te no qu­a­dro glo­bal em que, mui­tas a co­ber­to do ano­ni­ma­to, con­tri­bu­em pa­ra a de­gra­da­ção da tu­te­la dos di­rei­tos fun­da­men­tais no con­tex­to di­gi­tal. Os mem­bros da Pla­ta­for­ma das En­ti­da­des Re­gu­la­do­ras da Co­mu­ni­ca­ção So­ci­al de­fen­de­ram a ur­gên­cia em en­con­trar re­gras e ins­tru­men­tos ade­qua­dos a es­tes no­vos de­sa­fi­os, bem co­mo o apro­fun­da­men­to da co­o­pe­ra­ção en­tre os mem­bros da PER. Par­ti­ci­pa­ram na VII Reu­nião do PER de­le­ga­ções de Por­tu­gal, Angola, Bra­sil, Ca­bo Ver­de, Gui­né-Bis­sau, Moçambique, Ti­mor-les­te. Se­gun­do a Lei nº2/17, a ERCA é uma pes­soa co­lec­ti­va de di­rei­to pú­bli­co, do­ta­da de au­to­no­mia ad­mi­nis­tra­ti­va, fi­nan­cei­ra e pa­tri­mo­ni­al. O seu Con­se­lho Di­rec­ti­vo é um ór­gão co­le­gi­al responsável pe­la de­fi­ni­ção e im­ple­men­ta­ção da ac­ti­vi­da­de re­gu­la­do­ra e de su­per­vi­são da Co­mu­ni­ca­ção So­ci­al. O di­plo­ma es­ta­be­le­ce uma com­po­si­ção de 11 mem­bros, sen­do cin­co in­di­ca­dos pe­lo par­ti­do com mai­o­ria no Par­la­men­to (MPLA), três pe­la opo­si­ção par­la­men­tar, um pe­lo Exe­cu­ti­vo e dois pe­las or­ga­ni­za­ções re­pre­sen­ta­ti­vas da pro­fis­são. Ou se­ja, seis do MPLA, três da opo­si­ção e dois em re­pre­sen­ta­ção da­que­les que são os prin­ci­pais pro­ta­go­nis­tas da Co­mu­ni­ca­ção So­ci­al – os Jor­na­lis­tas.

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.