LU­AN­DA CAR­TO­ON

O Olin­do­mar Es­tú­dio pre­pa­ra, pa­ra o pri­mei­ro tri­mes­tre do pró­xi­mo ano, o lan­ça­men­to de um al­ma­na­que com his­tó­ri­as cri­a­das pe­los seus 18 ar­tis­tas e quer tam­bém in­cre­men­tar a par­ti­ci­pa­ção fe­mi­ni­na no 13.º Fes­ti­val In­ter­na­ci­o­nal de Ban­da De­se­nha­da e Ani­ma­ção

Jornal Cultura - - Primeira Página - RÚ­BIO PRAIA

“Es­te ano es­ta­mos de pa­ra­béns. Pa­ra es­ta edi­ção fo­ram pu­bli­ca­das se­te re­vis­tas de BD, não é só a quan­ti­da­de, em ter­mos de qua­li­da­de em na­da fi­ca­mos a de­ver as pro­du­to­ras in­ter­na­ci­o­nais”, su­bli­nhou o de­sig­ner grá­fi­co e car­to­o­nis­ta Lin­do­mar de Sou­sa, du­ran­te a aber­tu­ra do even­to que te­ve co­mo te­ma: “40 anos de In­de­pen­dên­cia Na­ci­o­nal”, e con­tou com a par­ce­ria do Ins­ti­tu­to Ca­mões e da Ca­sa de Cul­tu­ra do Bra­sil.

Aque­le pro­fis­si­o­nal li­ga­do à BD há mais de 20 anos, sen­do um dos alu­nos do fi­na­do es­cri­tor, et­nó­gra­fo, jornalista e de­se­nhis­ta Hen­ri­que Abran­ches, é co-pro­pri­e­tá­rio do Olin­do­mar Es­tú­dio, jun­ta­men­te com o seu ir­mão Olím­pio de Sou­sa, uma ins­ti­tui­ção pri­va­da em que a du­pla mi­nis­tra au­las de de­se­nho, de­sign e ani­ma­ção nos ar­re­do­res do Ran­gel, na ca­pi­tal lu­an­den­se.

Na sen­da do Lu­an­da Car­to­on 2015, ou­tra de­sig­na­ção do fes­ti­val de BD, es­ca­la­ram a ca­pi­tal de An­go­la, pro­ve­ni­en­tes do Ga­bão e de Por­tu­gal, Pa­trick Es­so­no “Pahé” e Pau­lo Monteiro, res­pec­ti­va­men­te.

No en­tan­to, o ac­to inau­gu­ral pa­ra além das apre­sen­ta­ções Gi­car­tes (Te­les), Iva­na Te­les, Tché Gour­gel, Luísa Lo­pes, Pau­lo Monteiro e Pahé, con­tou com a exi­bi­ção de fil­mes de ani­ma­ção na­ci­o­nais e es­tran­gei­ros co­mo “Mal­ta da Paz e da Ale­gria” e “Pe­dri­to do Cu­ne­ne”, que dei­tou por ter­ra as te­ses que em An­go­la não se pro­du­zem de­se­nhos ani­ma­dos de qua­li­da­de, dis­se Pedro Ga­li­a­no, uma das pes­so­as que acor­reu ao Ca­mões no dia 21.

Hou­ve pran­chas que sus­ci­ta­ram o in­te­res­se do pú­bli­co, co­mo a de Te­o­do­ro Fernandes: “Bur­ro Not”, um as­sun­to em vo­ga na es­tei­ra do po­lé­mi­co cla­re­a­men­to de pe­le, mas igual­men­te os tra­ba­lhos de Iva­na Te­les e Luísa Lo­pes, as du­as mu­lhe­res que con­fe­ri­ram ao Lu­an­da Car­to­on, à se­me­lhan­ça de 2014, uma tó­ni­ca di­fe­ren­te, uma vez que as pro­pos­tas ar­tís­ti­cas de am­bas fo­ram al­vo de gran­de acei­ta­ção das mais de 800 pes­so­as que abar­ro­ta­ram o Cen­tro Cul­tu­ral Por­tu­guês.

Mal­gra­do a fal­ta de apoi­os, Olím­pio ale­gou a es­te jor­nal que es­tão mo­ti­va­dos a atin­gir ou­tras me­tas, na me­di­da em que rei­te­ra es­tar num gru­po com for­ça su­fi­ci­en­te pa­ra con­ti­nu­ar nes­ta “ba­ta­lha ar­tís­ti­ca” e ven­cer, por­que as di­fi­cul­da­des são inú­me­ras.

En­tre­tan­to, o car­to­o­nis­ta apon­tou a qua­li­da­de dos tra­ba­lhos des­te ano co­mo uma mais va­lia, ten­do re­fe­ren­ci­a­do a pre­sen­ça de An­go­la na 42.ª edi­ção do Fes­ti­val de BD An­gou­lê­me, em Janeiro do pró­xi­mo ano, na Re­pú­bli­ca de Fran­ça, com a in­te­gra­ção do car­to­o­nis­ta an­go­la­no Altino Chin­de­le, que se jun­ta ao trio: Tché Gour­gel, Olím­pio e Lin­do­mar de Sou­sa, um ou­tro ga­nho.

Na­ci­o­nais e in­ter­na­ci­o­nais pro­mo­vi­dos

O Fes­ti­val In­ter­na­ci­o­nal de Ban­da De­se­nha­da e Ani­ma­ção tem vá­ri­os mo­men­tos, aliás, co­mo tem si­do ha­bi­tu­al, à se­me­lhan­ça dos três úl­ti­mos anos, após o ac­to inau­gu­ral que te­ve co­mo an­fi­triã Te­re­sa Guer­ra, res­pon­sá­vel cul­tu­ral do Ins­ti­tu­to Ca­mões, e o cha­ma­men­to ao pal­co dos pro­ta­go­nis­tas, na voz de Lin­do­mar de Sou­sa, di­rec­tor do fes­ti­val, se­guiu-se o mo­men­to de ven­da e ses­são de au­tó­gra­fos.

Hou­ve uma agi­ta­ção pa­ra aquisição dos li­vros aos qua­dra­di­nhos: Bair­ro Nan­gol, Pa­ra­da dos Kan­den­gues, Ka­li­bra­di­nhos, BDLP N.º5, e O azar de Sa­lo­mão, sem des­cu­rar a ex­po­si­ção iné­di­ta 40/40, na an­te-sa­la do Cen­tro Cul­tu­ral Por­tu­guês, uma ino­va­ção que vi­sou ho­me­na­ge­ar os ar­tis­tas Tché Gour­gel e Car­noth Jú­ni­or que ce­le­bram, coin­ci­den­te­men­te, 40 pri­ma­ve­ras tal co­mo a In­de­pen­dên­cia Na­ci­o­nal, de tal sor­te que fo­ram ape­li­da­dos de ‘qua­ren­tões’.

An­go­la es­te­ve re­pre­sen­ta­da, na mostra do ‘Ca­mões’, por Altino Chin­de­le, Ho­rá­cio Dá Mes­qui­ta, Ho­rá­cio Gilberto, Jó Del­gas, Jú­lio Pinto, Nel­som Paim, Ca­si­mi­ro Pedro, Ben Eli­as, Cal­lis Bo­sas, Don Sa­mu, Ed­son Ra­fa­el, Car­los Alves e De­ban Fu­si­on, Bush, en­tre ou­tros.

Pa­ra além dos tra­ba­lhos de ar­tis­tas in­ter­na­ci­o­nais, de­sig­na­da­men­te Eshon­ku­lov ( Uz­be­quis­tão), Ben­ja­min Kou­a­dio (Costa do Mar­fim), Jé­re­mie Nsing (RD Con­go), Va­lery Chmy­ri­ov (Ucrâ­nia), Cem Koç (Tur­quia), We­sam Khalil (Egip­to), Mi­chal Grac­zik ( Po­ló­nia) Ro­ber­to Cas­til­lo (Cu­ba), Ene­as Ri­bei­ro, Bi­ra Dan­tas e Alis­son Afon­so (Bra­sil), sem es­que­cer Pau­lo Monteiro e Pahé que mi­nis­tra­ram pa­les­tras e workshops so­bre co­mo adap­tar uma Ban­da De­se­nha­da pa­ra ani­ma­ção, en­tre ou­tras ac­ções não me­nos im­por­tan­tes.

Pau­lo Monteiro (Por­tu­gal) Olim­pio Lin­do­mar Car­los Alves

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.