TRÊS PO­E­MAS DE KATCHEKELE EKUMBI

Jornal Cultura - - Letras -

POR ON­DE CA­MI­NHO

Por on­de ca­mi­nho Bro­ta uma voz que me ani­ma Ele é um Cos­mo­po­li­ta Su­ku, en­tre mon­ta­nhas Ma­res, ri­os la­gos e la­go­as Lu­zei­ros aos per­fu­mes do mun­do En­tre as cu­ba­tas do bair­ro En­tre de­ser­tos, va­les e lo­res­tas De ga­lá­xi­as a cons­te­la­ções Há um Deus que ali ha­bi­ta!

ME­DO DO IN­FER­NO

Ca­da pe­ca­do que co­me­to Um in­fer­no ide­a­li­zo, ngue­e­na A pal­par as cos­tas do meu far­do Quan­do me en­con­tro Na por­ta do kim­bam­ba A men­di­gar fei­ti­ço Apa­vo­ra-me o me­do Pa­re­ce de­ver a fé Por um ju­ro a pa­gar No úl­ti­mo ver­so da ida­de En­chen­do-me as­sim Por um ex­ces­so de cul­pa Em ri­os que la­vam a con­de­na­ção E per­ce­bo que te­nho me­do Quan­do Ka­lun­ga che­gar E meu cor­po le­var As gra­des de um ce­mi­té­rio É me­do do in­fer­no!

SOU FI­LHO DE PO­BRE

De nd­ji­pen­la ro­ta Es­te bol­so ri­co de na­da Sou ilho de po­bre De uma pá­tria Que faz de mim no­bre Não me agas­te ge­ne­ral Em fes­tas de na­tal Sou mes­mo ilho de po­bre Mas co­nhe­ço o ba­laio do so­ba On­de se co­zi­nham esperanças

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.