A his­tó­ria de Dar­fur na po­e­sia de Em­tithal Mah­moud

Jornal Cultura - - Diálogo Intercultural -

gi­a­dos, fa­mí­lia, ale­gria e tris­te­za. Em­tithal Mah­moud, cu­ja fa­mí­lia foi ex­pul­sa do Su­dão pe­la guer­ra quan­do era cri­an­ça, ga­nhou um prémio de po­e­sia per­for­má­ti­ca por pe­ças ba­se­a­das em uma his­tó­ria trau­má­ti­ca.

Com o po­e­ma Ma­mã, ela ga­nhou o Cam­pe­o­na­to Mun­di­al In­di­vi­du­al de Po­e­sia Slam em Washing­ton DC.

Mah­moud, que vem de Dar­fur e es­tá ac­tu­al­men­te na Uni­ver­si­da­de de Ya­le es­tu­dan­do an­tro­po­lo­gia e bi­o­lo­gia mo­le­cu­lar, diz que a sua mãe ain­da não ou­viu o po­e­ma que ins­pi­rou.

Par­tiu pa­ra o Su­dão no pri­mei­ro dia da com­pe­ti­ção de po­e­sia, que tam­bém foi o dia da mor­te da avó de Mah­moud.

Foi a pe­ça fi­nal que Mah­moud apre­sen­tou na com­pe­ti­ção, na qual os po­e­tas per­for­má­ti­cos de to­do o mun­do com­pe­tem nu­ma sé­rie de ro­da­das.

A fa­mí­lia de Mah­moud dei­xou o Su­dão pa­ra o Ié­men quan­do ain­da era cri­an­ça, mu­dan­do- se pa­ra os Es­ta­dos Uni­dos em 1998. Co­me­çou a es­cre­ver po­e­sia quan­do cri­an­ça "pa­ra aju­dar os meus pais a au­men­tar a cons­ci­en­ci­a­li­za­ção pa­ra o nos­so po­vo em Dar­fur". “Meu ob­jec­ti­vo era ga­ran­tir que as cri­an­ças, mi­nhas pri­mas, não fos­sem es­que­ci­das nas ten­ta­ti­vas de en­fren­tar as atro­ci­da­des em Dar­fur”, diz ela.

Dar­fur

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.