Ex­plo­são de mo­to­ci­clo ar­ma­di­lha­do faz do­ze mor­tos

Jornal de Angola - - PRIMEIRA PÁGINA -

A ex­plo­são de um mo­to­ci­clo ar­ma­di­lha­do du­ran­te um co­mí­cio de uma can­di­da­ta às le­gis­la­ti­vas de 20 de Ou­tu­bro no Afeganistão fez pe­lo me­nos 12 mor­tos e 32 fe­ri­dos, anun­ci­ou um por­ta-voz da Po­lí­cia, Kha­lil As­sir.

O por­ta-voz da Po­lí­cia pre­ci­sou que as ví­ti­mas são ci­vis e mem­bros das for­ças de se­gu­ran­ça. O aten­ta­do ocor­reu du­ran­te um co­mí­cio de Na­ze­fa Yous­se­fiBek, no dis­tri­to de Rus­taq, na pro­vín­cia de Takhar, no nor­des­te do país.

Se­gun­do um por­ta-voz do Go­ver­no pro­vin­ci­al, Moha­mad Jawad Hej­ri, a can­di­da­ta já não es­ta­va no lo­cal no mo­men­to da ex­plo­são.

Até ao fe­cho da edi­ção, o ata­que não ti­nha si­do rei­vin­di­ca­do, ape­sar de mo­men­tos an­tes se ter re­gis­ta­do no lo­cal uma for­te pre­sen­ça de ta­li­bãs. O con­fli­to no Afeganistão con­ti­nua a cau­sar um ele­va­do nú­me­ro de ví­ti­mas ci­vis, que as­cen­de­ram a 8.050 nos pri­mei­ros no­ve me­ses do ano, in­di­ca um re­la­tó­rio da ONU.

O re­la­tó­rio da Mis­são de As­sis­tên­cia das Na­ções Uni­das no Afeganistão (MANUA) re­ve­la que no pe­río­do en­tre 1 de Ja­nei­ro e 30 de Se­tem­bro 2.798 ci­vis afe­gãos mor­re­ram e 5.252 fi­ca­ram fe­ri­dos, “re­flec­tin­do os mes­mos ní­veis ex­tre­mos de da­no aos ci­vis em com­pa­ra­ção com o mes­mo pe­río­do de 2017”, se­gun­do o co­mu­ni­ca­do no si­te da MANUA.

Os ta­li­bãs e os com­ba­ten­tes do gru­po ex­tre­mis­ta Es­ta­do Is­lâ­mi­co (EI) fo­ram res­pon­sá­veis por 65 por cen­to das ví­ti­mas ci­vis (1.743 mor­tos e 3.500 fe­ri­dos), so­bre­tu­do em ata­ques sui­ci­das ou aten­ta­dos à bom­ba, as prin­ci­pais cau­sas de ví­ti­mas ci­vis (1.065 mor­tos e 2.569 fe­ri­dos) no Afeganistão.

DR

O con­fli­to con­ti­nua a fa­zer ele­va­do nú­me­ro de ví­ti­mas

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.