Fa­to­zi­nha: “Foi um dia mar­can­te pa­ra to­dos nós”

Jornal de Angola - - ESPECIAL -

em que a ban­dei­ra da Re­pú­bli­ca de An­go­la era has­te­a­da, pe­la pri­mei­ra vez, no Lar­go 1º de Maio, no lon­gín­quo ano de 1975, a can­to­ra Fa­to­zi­nha lá es­te­ve com o agru­pa­men­to mu­si­cal Kis­san­gue­la, no qual in­gres­sa­ra em 1974.

A úni­ca voz fe­mi­ni­na do “Kis­san­gue­la”, ao lado de Ca­la­be­to, San­tos Jú­ni­or, Ar­tur Adri­a­no, Bel­mi­ro Carlos, Ma­nu­e­li­to, Má­rio Silva, Ti­no dya Kimwe­zo, Filipe Mu­ken­ga, Avo­zi­nho, Gy­za e Tu­lin­gas, lem­bra com bas­tan­te tris­te­za e nos­tal­gia que fo­ram mo­men­tos de mui­ta an­si­e­da­de por­que o país es­ta­va pres­tes a tor­nar-se li­vre das opres­sões do co­lo­ni­a­lis­ta. “Foi um dia mar­can­te pa­ra to­dos nós que, mesmo de­bai­xo de ti­ro­tei­os, não dei­xa­mos de ir tes­te­mu­nhar aque­le que se­ria o mo­men­to mais im­por­tan­te pa­ra os an­go­la­nos.”

Pas­sa­dos que são 43 anos da “Di­pan­da”, a can­to­ra la­men­ta o es­ta­do so­ci­al e eco­nó­mi­co em que mui­tos ar­tis­tas da épo­ca se en­con­tram, in­clu­si­ve ela pró­pria: “Lu­tá­mos to­dos, ca­da um na sua área es­pe­cí­fi­ca por uma cau­sa co­mum, mas ho­je, in­fe­liz­men­te, ape­nas al­guns se be­ne­fi­ci­am do erá­rio dos an­go­la­nos.”

Tia Fa­tó co­mo é tam­bém ca­ri­nho­sa­men­te tra­ta­da, co­me­çou a sua carreira no pe­río­do an­tes da in­de­pen­dên­cia. Na al­tu­ra, em ple­nos anos 60, de­ci­diu en­ve­re­dar pe­la carreira mu­si­cal, ten­do ini­ci­a­do em gru­pos car­na­va­les­cos com os mú­si­cos Ar­tur Nu­nes e Can­di­nho.

Foi uma par­ti­ci­pan­te ac­ti­va na mú­si­ca de in­ter­ven­ção, no pe­río­do con­tur­ba­do da nos­sa re­vo­lu­ção, ten­do mar­ca­do pre­sen­ça em vá­ri­as di­gres­sões. O seu disco de es­treia, in­ti­tu­la­do “Di­vua”, que em por­tu­guês sig­ni­fi­ca “Azar”, foi lan­ça­do em 2010, na Pra­ça da In­de­pen­dên­cia, em Lu­an­da.

MO­TA AMBRÓSIO | EDI­ÇÕES NO­VEM­BRO

Com o agru­pa­men­to Kis­san­gue­la a can­to­ra re­lem­brou o dia D

Na ma­dru­ga­da

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.