Re­co­men­da­da ma­té­ria lo­cal pa­ra a cons­tru­ção

Jornal de Angola - - DESPORTO - Qui­ni­to Ka­nha­me­ni Al­bi­no Hi­to­to­nanye | Ond­ji­va

O II Con­se­lho Con­sul­ti­vo do Ministério do Or­de­na­men­to do Ter­ri­tó­rio, re­a­li­za­do em Ond­ji­va, Cunene, in­cen­ti­vou a uti­li­za­ção de ma­te­ri­ais lo­cais pa­ra a cons­tru­ção de equi­pa­men­tos so­ci­ais, co­mo es­co­las e cen­tros de saú­de, de mo­do a ga­ran­tir sus­ten­ta­bi­li­da­de dos pro­jec­tos.

Ori­en­ta­do pe­la mi­nis­tra Ana Pau­la de Car­va­lho, o con­se­lho con­sul­ti­vo con­clui que de­vem ser cri­a­das as con­di­ções que fa­vo­re­çam o uso de ma­té­ria-pri­ma lo­cal com vis­ta a pro­por­ci­o­nar a cons­tru­ção de ha­bi­ta­ção e equi­pa­men­tos so­ci­ais a bai­xo cus­to.

O en­con­tro, que on­tem ter­mi­nou, in­cen­ti­vou ain­da a re­flo­res­ta­ção do Na­mi­be e a im­ple­men­ta­ção do pro­gra­ma de ar­bo­ri­za­ção nas cen­tra­li­da­des da Praia Amé­lia e Cin­co de Abril, na­que­la pro­vín­cia.

O en­con­tro, que de­cor­reu sob o le­ma “Or­de­na­men­to do ter­ri­tó­rio, fac­tor de de­sen­vol­vi­men­to sus­ten­tá­vel”, de­fen­deu a ur­ba­ni­za­ção in­clu­si­va, re­du­ção do nú­me­ro de pes­so­as atin­gi­das por ca­tás­tro­fes na­tu­rais, sus­ten­ta­bi­li­da­de am­bi­en­tal e sal­va­guar­da do pa­tri­mó­nio cul­tu­ral.

Cen­tra­li­da­de

Du­ran­te a sua es­ta­dia em Ond­ji­va, a mi­nis­tra Ana Pau­la de Car­va­lho, vi­si­tou o lo­cal on­de se­rá er­gui­da a cen­tra­li­da­de do Eku­ma, ar­re­do­res da ci­da­de. A pri­mei­ra pe­dra foi lan­ça­da em Se­tem­bro de 2017, mas até ao mo­men­to as obras ain­da não ar­ran­ca­ram aguar­dan­do pe­la cer­ti­fi­ca­ção de vis­to do Tri­bu­nal de Con­tas.

Nu­ma pri­mei­ra fa­se, na cen­tra­li­da­de do Eku­ma, cu­jas obras es­ta­rão a car­go da cons­tru­to­ra Chi­ne­sa CITIC-Cons­tru­ções, vão ser er­gui­dos 14 edi­fí­ci­os de três an­da­res, num to­tal de 200 uni­da­des ha­bi­ta­ci­o­nais.

A mi­nis­tra do Or­de­na­men­to do Ter­ri­tó­rio e Ha­bi­ta­ção ga­ran­tiu que as obras de cons­tru­ção da cen­tra­li­da­de ar­ran­cam no pró­xi­mo ano, lo­go que o es­pa­ço se­ja cer­ti­fi­ca­do pelo Tri­bu­nal de Con­tas.

“Te­mos al­guns pen­den­tes com o Tri­bu­nal de Con­tas, mas estamos a tra­ba­lhar no sen­ti­do de ul­tra­pas­sar a si­tu­a­ção no mais cur­to es­pa­ço de tem­po”, as­se­gu­rou.

EDI­ÇÕES NO­VEM­BRO

País dis­põe de re­cur­sos que po­dem ser usa­dos na edi­fi­ca­ção de pro­jec­tos so­ci­ais

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.