Uni­da­des pe­ni­ten­ciá­ri­as re­gis­tam su­per­lo­ta­ção

Jornal de Angola - - POLÍTICA -

As uni­da­des pe­ni­ten­ciá­ri­as de Nki­en­de, em Mban­za Kon­go, e Man­gue Gran­de, no Soyo, pro­vín­cia do Zaire, re­gis­tam, ac­tu­al­men­te, uma su­per­lo­ta­ção na or­dem dos 66 por cen­to, cri­an­do cons­tran­gi­men­tos no seu fun­ci­o­na­men­to. A cons­ta­ta­ção vem ex­pres­sa no co­mu­ni­ca­do fi­nal da 4ª reu­nião da Co­mis­são Pro­vin­ci­al de Co­or­de­na­ção Ju­di­ci­al do Zaire re­a­li­za­da sex­ta-fei­ra, em Mban­za Kon­go, sob a ori­en­ta­ção do juiz-pre­si­den­te do Tri­bu­nal lo­cal, Eu­gé­nio Do­min­gos.

Se­gun­do o do­cu­men­to ci­ta­do pe­la An­gop, os dois es­ta­be­le­ci­men­tos pri­si­o­nais têm ca­pa­ci­da­de pa­ra in­ter­nar 470 re­clu­sos, es­tan­do, pre­sen­te­men­te, en­car­ce­ra­dos nas du­as uni­da­des pe­ni­ten­ciá­ri­as 779 ci­da­dãos, en­tre na­ci­o­nais e es­tran­gei­ros. A ne­ces­si­da­de da cri­a­ção de con­di­ções pa­ra a cons­tru­ção de um cen­tro de re­e­du­ca­ção de me­no­res em con­fli­to com a lei, as­sim co­mo a ins­ta­la­ção do sis­te­ma ope­ra­ti­vo de scan­ner nos pos­tos fron­tei­ri­ços, fo­ram al­gu­mas das re­co­men­da­ções do en­con­tro.

Os par­ti­ci­pan­tes re­co­men­da­ram igual­men­te a cri­a­ção de con­di­ções no Hos­pi­tal Pro­vin­ci­al do Zaire pa­ra a re­a­li­za­ção de tes­tes de DNA, pa­ra fa­ci­li­tar a re­so­lu­ção de ca­sos de fu­ga à pa­ter­ni­da­de e tor­nar cé­le­re e cre­dí­vel a in­ves­ti­ga­ção de vá­ri­os cri­mes.

Quan­to à imi­gra­ção ile­gal, a pro­vín­cia re­gis­tou, de Janeiro a De­zem­bro de 2018, a ex­pul­são, pe­lo Ser­vi­ço de Mi­gra­ção e Es­tran­gei­ros (SME), de 1.128 ci­da­dãos de na­ci­o­na­li­da­des di­ver­sas, dos quais 1.101 por de­ci­são ad­mi­nis­tra­ti­va e 27 por de­ci­são ju­di­ci­al.

Re­cen­te­men­te, o de­le­ga­do pro­vin­ci­al do In­te­ri­or e co­man­dan­te pro­vin­ci­al da Po­lí­cia Na­ci­o­nal no Zaire, Ma­nu­el Gou­veia, de­fen­deu a am­pli­a­ção dos es­ta­be­le­ci­men­tos pri­si­o­nais, com vis­ta a ele­var a ca­pa­ci­da­de ins­ta­la­da pa­ra 600 lu­ga­res ca­da, pa­ra aten­der a de­man­da.

Ma­nu­el Gou­veia con­si­de­rou “po­si­ti­vo” o tra­ba­lho dos ser­vi­ços pe­ni­ten­ciá­ri­os, ten­do em con­ta a en­tre­ga ab­ne­ga­da dos fun­ci­o­ná­ri­os. Ape­lou aos efec­ti­vos a se­rem fle­xí­veis du­ran­te o exer­cí­cio das su­as ac­ti­vi­da­des.

VE­NÂN­CIO VIC­TOR | EDIÇÕES NO­VEM­BRO

Su­per­lo­ta­ção é cau­sa de mui­tos cons­tran­gi­men­tos

Newspapers in Portuguese

Newspapers from Angola

© PressReader. All rights reserved.